À solidão

Grande tormento que me assolas... Teus artefatos não passam de uma mera fantasia para a minha tristeza.
O sonho que tenho vai além de uma utopia constante de uma felicidade eterna, somente com a tua ausência. Que seja com a tua presença também, mas não tão frequente como assim o é.
Tu és minha companheira de todos os dias, de todas as ocasiões, das reflexões e principalmente daqueles momentos que ficam depois das despedidas entre as pessoas.
Os olhares íntimos e internos que ninguém tem a capacidade de enxergar em mim, você consegue captar.
Refugio-me em ti, com meu silêncio contínuo, e me embriago com a bebida das consequências que tua presença me causa.
Um dia você vai, mas sempre resolve voltar, nem que seja apenas para dormir comigo ou trazer-me inspiração para escrever.

Tua companhia não é o mesmo que uma respiração ou doces palavras ao pé do ouvido.
Por isso peço-te que me deixes. Deixe-me por um tempo e não queira voltar. Não tenha pressa para ter a minha presença novamente. Volte quando eu quiser escrever ou quiser chorar ao seu lado. Mas não me procure, deixe que eu te chame.

Enviaria um beijo a você, mas não tens um rosto para que pudesse sentir.
Desejaria paz em seu coração, mas não tens um. Existe apenas um grande vácuo no lugar dele.
Então despeço-me pedindo que fuja para bem longe. Não queira habitar em mim enquanto tiver pessoas ao meu redor.
A minha dor, quando estou com você, é pior do que um doce tormento.
Procure alguém que te queira. Eu não!
Amo-te? Não, não... Apenas aprecio alguns instantes ao seu lado: quando estou a observar a vida. Mas enquanto vivo-a, prefiro amar a doce companhia de pessoas e ser feliz, sem sentir o gosto amargo das intempéries que você me causa.

Para você, solidão...
Que consome minha vida destruindo os resquícios da minha alma.

26 Revelaram sentimentos:

  1. é pro Blogueando amr ? tá bem lindo viu ... boa sorte !

    ResponderExcluir
  2. Olá, também passo para deixar pra vc o meu mais nobre sentimento: o AMOR
    Tudo de bom hoje e sempre.
    É muito bom participar deste dia com vc.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. "Amo-te? Não, não... Apenas aprecio alguns instantes ao seu lado"
    Não é amor, maninha? Então, não entendi rsrs

    bjos querida
    Fica com Deus

    ResponderExcluir
  4. Belo post, Naty. A solidão não está somente aí.

    ResponderExcluir
  5. Mas é na solidão do momento que eu aprendo a ver e analisar as intempéries que passam por mim. É na solidão dum espaço sem pessoas que eu aprendo a valorizá-las...mas tb é na solidão...que eu me consumo...sem levar lume a ninguém. E isso por vezes...é frustante...e um fardo demasiado pesado para o meu dorso...
    O problema, Naty...é que ela é teimosa e faz tudo ao contrário. Quando se chama por ela...não aparece. Quando não necessitamos...ela instala-se!
    Gostei imenso do teu texto...
    Jinho

    ResponderExcluir
  6. dizem que a solidão mata\saia desta morte.

    ResponderExcluir
  7. Poxa Naty solidão logo no dia dos Namorados, num é uma boa pedida né.
    Espero que ela passe logo e que venham muitas boas pessoas legais para compartilhar, mas a solidão é bonita também, tem horas que ela é nossa melhor companhia.

    Bjuuu!

    ResponderExcluir
  8. Se for para o Blogueando boa sorte viu?
    Ficou mto boooom.

    beijos

    ResponderExcluir
  9. NOSSA! ai, Naty, que texto maravilhoso!
    também sofro muito com a solidão. (com mais frequência do que eu poderia desejar)
    mas existem momentos & momentos.
    a solidão nos reconforta e ao mesmo tempo nos corroi...
    é estranho e complicado.
    como tudo nessa vida, né?

    beijos, querida.

    ResponderExcluir
  10. A solidão nos persegue porque ela mesma se sente sozinha.


    beijos

    ResponderExcluir
  11. aaah, naty, muito lindo.
    essa maldita amiga-inimiga chamada solidão né? Acho que vou pedir pra ela se afastar de mim também.
    bj bj

    ResponderExcluir
  12. que bom voltar aqui...
    que belo post, muito bom.
    Uma ótima semana pra vc.
    Maurizio

    ResponderExcluir
  13. impossível porqueee? claro que nãao, se ficou, foi porque mereceeu, ok?!! Tu escreve muito, então é justo!

    Beijoo, mais uma vez, obrigadaa!

    ResponderExcluir
  14. Não se sinta só!
    Eu estou aqui. Um pouco longe, mas... sempre por aqui. :)

    ResponderExcluir
  15. "Para você, solidão...
    Que consome minha vida destruindo os resquícios da minha alma."

    AMEI!!!! Belo textooo!

    bjoooooos

    ResponderExcluir
  16. Teus artefatos não passam de uma mera fantasia para a minha tristeza.
    O sonho que tenho vai além de uma utopia constante de uma felicidade eterna, somente com a tua ausência.

    Acredite que essas coisas vão embora um dia.
    Eu sou prova viva disso
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. A solidão tem tantas formas. Nos preenche de tantas maneiras .. Aqui, nesse exato momento, sinto-me solitária, mesmo tendo tudo que eu julgo me satisfazer .. Vai entender né? Saudade de você menina. Beijos

    ResponderExcluir
  18. Naty, tou saindo, não li :x Vim mesmo buscar o selinho - pois já devia ter vindo.
    Quando voltar, leio tudo direitinho, tá?
    Beijos querida e obrigada!

    ResponderExcluir
  19. Solidão dói..deixe ela partir..não faz bem!
    Um beijo
    Naty ficou ótimo o texto!
    Ju

    ResponderExcluir
  20. Comentaria algo decente, mas estou ao lado da sua amiga!
    auishauhsahsahshash

    beeeeijoooos ;**

    ResponderExcluir
  21. Belíssimo querida! Bravô, Bravô! reverências muito bom. beijos ... saudades ótima s emana

    ResponderExcluir
  22. Você escreve como gente grande rs
    Parabéns!!!
    Beijos linda

    ResponderExcluir
  23. É uma boa amiga, mas não sempre. Você a definiu muito bem.
    Bjoo!!

    ResponderExcluir
  24. Olá!

    Então... sou nova por aqui, sabe. Estava passando, e acabei me dando de cara com o seu blog. Quando li sobre o que se tratava, não medi esforços para parar e ler. Confesso que fiquei fascinada. O texto está perfeito, e tenho que dizer-te que estava meso precisando ler algo assim, enfim.
    Sua palavras estão muito bem colocadas, e eu só tenho que te parabenizar pelo grande trabalho que fazes neste blog.
    Tudo de bom!

    Um grande beijo.
    Fran.

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.