Resenha: Meu mundo versus Marta

Por Fabio Pedreira •
08 maio 2021

Fala galera, hoje eu estou aqui para trazer para vocês a resenha da HQ Meu mundo versus Marta, uma HQ da Companhia das Letras

A HQ vai contar a história de dois personagens em um mundo que é parecido com o nosso, mas que ao mesmo tempo é totalmente diferente. Essa é basicamente a única informação que você tem, no início até achei que eu tinha deixado passar algo, mas não.

Mesmo agora, depois de ter lido, pensado e repensado sobre a história, ainda estou um pouco perdido, mas acredito que isso seja proposital. Ela conta com uma história extremamente subjetiva, onde cada leitor vai interpretar de uma forma. Acho que as possibilidades de associação são enormes e cada um vai ter sua própria viagem para debater quando terminar de ler.


Ela não tem falas, composta apenas pelas imagens, onde mostra um homem que encontra um amor em uma cidade marcada por diferenças sociais e em um pacto sobre armas e paz. Admito que para mim é difícil até explicar sobre o que fala a HQ, pois é como se você olhasse para um quadro abstrato e tivesse a sua própria visão do que está pintado ali.

No meu caso, pude entender que a história passa uma crítica sobre como as pessoas são reprogramadas pelo alto escalão, como se fosse a história do Admirável Mundo Novo. Ao mesmo tempo existe o protagonista que trabalha para essas pessoas, mas está insatisfeito com isso, inclusive ele vive com uma dessas pessoas reprogramadas, sendo que ele mesmo é um dos que fazem essa reprogramação.

Diante disso, têm as pessoas comuns, que o odeiam por isso e que também representam a disparidade social e como vivem em um mundo onde o governo prega uma paz que não existe, já que é uma paz armada. Mas, no fim, ao encontrar o amor e cansado de trabalhar para essas pessoas, o protagonista resolve se rebelar e viver em paz.


Falando assim parece até que é confuso. É e não é. Se torna confuso porque foi a visão que eu tive, mas é simples porque basta você analisar para ter a sua própria história. Isso ao meu ver é legal, pois mostra o poder que a HQ tem.

Os traços são bem simples. Eles conseguem passar momentos nos quais nós vamos nos identificar, como coisas simples do dia a dia e também conseguem passar a emoção dos personagens em vários momentos.

Então, por mais confusa que seja essa resenha, é isso aí. É uma HQ que recomendo, porque ela faz uma coisa bem feita que é proporcionar a reflexão. Se puder leiam e tirem suas conclusões. E, por favor, venham me contar o que acharam, porque preciso debater essa HQ, rs.

Título: Meu mundo versus Marta (exemplar cedido pela editora)
Autor: Paulo Scott e Rafael Sica
Editora: Quadrinhos na Cia
Páginas: 160
Ano: 2021
Compre: aqui

Comentários via Facebook

17 Revelaram sentimentos:

  1. Caramba que capa bonita!!! Eu adoro HQs desde pequena, aliás, comecei no mundo da leitura por eles. Sempre que tem uma indicação eu anoto feliz da vida :) Achei meio confusa também kkk mas entendi sim o que você quis dizer e gostei muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bruna

      Olha, ainda bem que entendeu kkkk porque essa foi definitivamente a leitura que mais tive dificuldade de expressar o que quis dizer em toda a minha vida kkkk

      Excluir
  2. Fábio!
    Ultimamente tenho visto muitas HQS que não tem palavras, são apenas as ilustrações, o que de certa forma é algo interessante, porque estimula a criatividade do leitor e cada um pode intrepertar da forma que entender melhor.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rudy.

      Sim, verdade, mas olha, tem umas que são mais fáceis de analisar, mas essa ai... jizuis kkkkkk

      Excluir
  3. Que interessante, Fábio!
    Como não tem diálogos, a interpretação fica a cargo do que cada leitor trás dentro de si

    ResponderExcluir
  4. Quando vi essa Graphic pela primeira vez, fiquei babando por ela.Daí veio a surpresa de não diálogos, de simplesmente as letras não estarem ali.
    E sei que se ler 3549857 resenhas, cada uma será interpretada de uma forma diferente, tal qual o sentimento de quem a ler e sim, sentir!
    Isso aí é magia pura!!
    E com certeza, ela já foi pra listinha das mais desejadas!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Angela

      Eu admito que quando estava escrevendo essa resenha, fui procurar outras para ver se só eu que não tinha entendido alguma coisa. Fiquei muito feliz quando soube que eu não era o único perdido kkkkkkkkkkkk

      Excluir
  5. É assim mesmo, essas hqs que geralmente nem conversa tem é mais pra fazer a gente pensar mesmo sobre o que estamos vendo e lendo. Sao bem ricas!
    Quero ler essa hq!
    Adorei o post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ariela

      Essa faz a gente pensar bastante, criar 3289723 teorias. É bem legal.
      Espero que consiga ler =D

      Excluir
  6. Olá Fábio.
    Ainda não tinha visto uma HQ assim .mas acho que não é para mim náo .já penso muito kkkk .acho que ficaria criando mil teorias e náo iria chegar a lugar nenhum kkkk .
    A capa é linda .
    Como foi essa experiência para voce ? De ter a sua própria conclusáo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Eliane

      kkkk posso imaginar. Eu só cheguei em algumas conclusões, mas nas outras... kkkkkk
      Nem eu sei explicar direito o que achei kkkkkk

      Excluir
  7. Não sou de ler muitas HQs, mas achei a arte desse extremamente diferente dos outros e me deixou muito curiosa, achei muito lindaaaaaaa... Além do fato de não ter FALAS!! achei isso incrível de verdade. Apesar de não ler tanto HQs já coloquei na minha lista de desejos pq me interessou muito!! :)

    ResponderExcluir
  8. Oi, Fabio!
    Não costumo ler HQ, mas nunca tinha visto um HQ igual a Meu mundo versus Marta, composta apenas por imagens sem falas, realmente como você disse cada leitor vai interpretar a história de uma forma diferente, seria muito bacana se reunir para debater, espero que você encontre alguém para isso :)
    Bjos!

    ResponderExcluir
  9. É uma HQ bem diferente do que estamos habituados. É curiosa forma de interpretaçao, ja que não tem falas e isso pode confundi um pouco a mensagem o que o autor quer passa. Mas pela curiosidade eu leria esse livro algum dia.

    ResponderExcluir
  10. Olá! Eita que temos aqui uma HQ bem diferentona hein, mas mesmo ficando um pouco confusa (não vou negar), a proposta dela é bem interessante, é como a oportunidade que cada leitor tem de criar a sua própria história e como diria meu amigo Bob Esponja (calça quadrada), usar sua imaginação (risos).

    ResponderExcluir
  11. Oiee,
    Não tinha conhecimento sobre essa HQ, mas parece ser muito interessante e as imagens são incríveis. Talvez eu tenha uma oportunidade de ler essa HQ em algum momento.

    Beijocas:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos | Resenhas de livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in