Resenha: Segredos

by - abril 28, 2022


"Há coisas que não podem ser consertadas."

Esse livro certamente vai te deixar reflexivo sobre os comportamentos humanos. Como se não bastasse a forma como uns tratam os outros, aqui também nos deparamos com a forma que a sociedade trata quem sofre abuso e o abusador.

Tony sempre foi um bom irmão para Nick. Então, quando ligam do hospital avisando que o caçula está internado após sofrer uma agressão sexual, seu lado protetor é ativado, impulsionando sua busca por justiça. Julia, esposa de Tony, é advogada e acredita que o caso logo será resolvido, mas a família jamais será a mesma: a avalanche de comentários maldosos nas redes sociais e a superexposição com a cobertura obsessiva na mídia transformam a luta do marido em desejo por vingança.


Nick vive num estado de angústia ao perder o controle de tudo que ocorre após a agressão: lidar com a vergonha, a invasão de sua vida pessoal e, agora, a manipulação dos fatos por parte de seu agressor. Ele deseja apenas acordar daquele pesadelo e ter sua antiga vida de volta... Enquanto a batalha jurídica ocorre, essa família precisa desenterrar segredos e lidar com assuntos que foram silenciados no passado, mas que não podem mais continuar encobertos.

A sinopse já fala por si, e enquanto mergulhamos na leitura até surge dúvida, surgem preocupações e obviamente ficamos aflitos tanto com a situação vivida por Nick quanto em relação ao Tony, já que ele deseja fazer algo drástico com o que fizeram com eles.

A autora soube desenvolver a narrativa de uma maneira feroz, não temos tempo de parar entre um capítulo e outro, já que o término de um aumenta nossa sede de ir ao próximo e assim vai... Até o desfecho. E que final, meus amigos. Eu acertei o que aconteceria, e acredito que você também fará o mesmo – não por obviedade, mas a história vai te levando para um caminho que só pode ser aquele. Quando chegamos, que é nesse percurso mesmo, você não fica decepcionado com seus pensamentos, ficamos satisfeitos por acertar e com receio do que pode vir em seguida. A gente deseja um outro final, mas talvez seja para mostrar que nem tudo acontece como deveria.


Eu sei, vocês não estão entendendo nada desse final da resenha, mas quando finalizar o livro tenho certeza que ficarão com essa mesma sensação.

Uma coisa muito importante a ser tratada antes de finalizar meus comentários é sobre a necessidade de tratarmos esse assunto... Pessoas são estupradas, violentadas, vítimas de outras pessoas... Independente se a vítima seja heterossexual, bissexual ou se é homoafetivo. A autora retrata isso de uma maneira incrível.

E o mais importante... Qualquer sinal de violência física ou psicológica, procure uma Delegacia mais próxima. Denuncie. Se proteja, proteja quem você ama. Violência psicológica também é crime. Pesquise a respeito!

Outras fotos:


Título: Segredos (exemplar cedido pela editora)
Autora: Caitlin Wahrer
Editora: Faro Editorial
Páginas: 304
Ano: 2022
Compre: aqui

You May Also Like

8 comments

  1. Uma assunto muito forte e delicado, mas que ao ser abordado pode ajudar muitas pessoas a ficarem mais atentas e pensar melhor sobre essa questão. Deve ser um tanto pesada a leitura, mas importante.

    Danielle Medeiros de Souza
    danibsb030501@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  2. Com certeza uma leitura densa. Que dói de ler, principalmente como a vítima é tratada depois.... mas ainda assim é uma leitura necessária

    ResponderExcluir
  3. Eu estou naquele namoro com esse livro desde o lançamento. Sim, o tema é pesado, triste, mas infelizmente tão real, que dói na alma. Mas cada vez mais esse e tantos outros temas precisam ser mostrados na literatura,cinema, outdoors e afins!
    A Faro é maravilhosa na diagramação e eu admiro demais isso.
    Já queria ler? Sim.
    Li a resenha e isso mudou? Sim..agora necessito ainda mais! rs
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  4. Olá! Uau, já me deixou aqui, reflexiva só lendo a resenha, caramba, definitivamente essa não é uma leitura fácil, mas acredito que apesar do tema forte que é abordado, a história sem dúvida há de enriquecer, justamente por isso, fiquei bem intrigada com esse final, principalmente para saber se até mesmo eu seria capaz de desvendá-lo (risos).

    ResponderExcluir
  5. Naty!
    Livros com assuntos tão intensos, são leituras dolorosas por vezes, porém bem essenciais para conhecermos a realidade de como tudo acontece.
    E gosto de livros nesse gênero, vou procurar ler.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Essa é a primeira resenha que leio desse livro. Deve ser uma leitura que prende o leitor pois o livro trata de situações reais como a violência sexual e a exposição na mídia e o agressor ainda querendo manipular os fatos .

    ResponderExcluir
  8. Oláa,
    Eu sou uma pessoa sensível a esses tipos de temas, mas não deixo de ler por isso porque trás uma reflexão incrível. Eu fiquei bem curiosa para ler esse livro e entender o o final que te deixou desse jeito..

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.