Resenha: Boa noite


Boa noite conta a história de Alina, uma boa aluna, boa filha e uma boa pessoa – embora isso seja taxado pelos padrões da sociedade. Ela precisa deixar sua casa, família, comida na mesa e roupa lavada pela mamãe para ingressar numa universidade longe de sua residência.

Ao consultar os anúncios na faculdade, ela verifica que existe uma república com uma vaga e decide se candidatar. Manu, Talita, Gustavo e Bernardo são os moradores e decidem aceitar a garota por ser considerada nerd e por parecer útil, já que estudaria Engenharia da Computação.

A jovem logo se adapta à vida na República das Loucuras, embora sinta falta dos seus pais e da facilidade que era viver com fácil acesso ao que quisesse. Decidida, Alina quer deixar seu passado para trás, o rótulo de nerd esquisitona. Agora, ela passa a frequentar festas e beber um pouco além da conta.

Ela conhece um garoto e começa a se interessar por ele. As festas são frequentadas pelo casal e a bebedeira não para. Copos e mais copos de bebidas e, então, a menina tímida e recatada, começa a se soltar e passa a fazer o que não fazia: dançar.


Quando parece que tudo está bem, as coisas passam a ficar complicadas para Alina, ao descobrir que seu nome está na lista de uma página de fofocas na internet. Ainda que muitas coisas ruins possam acontecer, jamais imaginaria que seria alvo de fofoca. Ela descobre que nessa página são divulgadas mensagens sobre abusos e drogas, além de nomes de meninas.

O livro não foi um atrativo para mim. Li a obra sem fazer ideia do que dizia a sinopse; apenas fui tragada pela capa e sequer sabia que essa autora é, na verdade, resenhista de um canal no Youtube.

A história não me cativou, os personagens não me atraíram, o enredo é enfadonho e o excesso de temáticas polêmicas fizeram com que todos eles não fossem bem trabalhados. A autora peca pelo excesso de assuntos, mas também peca pela falta de profundidade neles.

Boa noite fala sobre drogas, abuso sexual, preconceito, racismo, sororidade, obsessão por corpo perfeito e diversos assuntos que 240 páginas não seriam suficientes, mas a autora preferiu achar que sim. Enquanto coisas desnecessárias se repetiam, outros ficavam na superficialidade, o que não ajudou na construção de uma boa história.


Ainda que a ideia da autora tenha sido criativa, para fazer com que os leitores jovens fiquem atentos para as possíveis desgraças de uma decisão impensada, faltou elementos para tornar o trabalho rico e caprichado – já que existem falhas em seu conteúdo.

Além de contar com uma capa bem chamativa, a diagramação é bonita e agradável. A revisão deixou a desejar, mas não foi nada grave. O livro possui uma leitura fluida e é possível concluir em apenas um dia, quem estiver determinado – o que não era meu caso.

Para quem gosta do gênero, é uma oportunidade de conhecer uma autora nacional que está crescendo no mercado. Pode ser que a sua visão seja diferente da minha, ler sem observar os pontos de forma crítica, sem procurar pontas ou deslizes. É uma história que pode agradar muitos adolescentes, assim como os iniciantes no mundo literário. Mas é só, não espere tanto. Leia sem compromisso e pode ser agradável.

Quotes:
“– Sempre que eu falo o meu curso as garotas têm duas reações – ele levanta dois dedos –, ou começam a me bajular ou vão embora porque acham que eu só quero levá-las pra cama.” (p. 69)

“Ele parece estudar o que vai dizer, quer escolher as palavras certas. É isso que o Gustavo faz, não fiz a primeira coisa que vem à cabeça. Ele não gosta de magoar as pessoas. Pode dizer poucas palavras, mas todos sabemos que é exatamente o que ele quis dizer.” (p. 189)

Outras fotos:



Título: Boa noite
Autora: Pam Gonçalves
Editora: Galera
Páginas: 240
Ano: 2016

27 Revelaram sentimentos:

  1. Oi, Natalia. Tenho vontade de ler esse livro mesmo com esses pontos negativos. Também acho que se um autor aborda assuntos demais numa temática, acaba deixando várias sem explorar profundamente o que pode não agradar muitos leitores, mesmo assim, o livro me interessa bastante.
    Beijo! Leitora Encantada
    Promoção 4 anos de blog Minhas Escrituras

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi Natalia, as vezes menos é mais, li um livro a pouco tempo onde tinha muitos temas mas pouco aprofundamento neles e isso me incomodou muito, não consegui criar empatia pelos personagens e a leitura ficou arrastada. Então, mesmo torcendo muito pelo sucesso da autora, não fiquei interessada nesse primeiro livro dela, contudo quem sabe nas próximas publicações ;)

    ResponderExcluir
  4. Olá, Natalia.
    A sua é a primeira resenha que leio que não gostou do livro. Até agora só tinha visto inúmeros elogios. Eu ganhei ele em uma promoção, por isso vou ler. mas não estou com muitas expectativas não. Achei o enredo bem clichê. Mas quem sabe assim eu acabe gostando mais do que você hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Natalia,também achei ousadia da autora inserir tantos temas polêmicos em apenas 240 páginas..mas isso não é ruim,e sim que ela não conseguiu se aprofundar em todos,e creio que,pela importância dos assuntos,deveria sim ter sido abordado de forma mais profunda...Não gosto de quando um assunto de importância acaba não sendo bem descrito sabe...Uma pena ela ter usado tantos temas mas não conseguido segurar e amarrar bem a trama...Por um lado dá até p/ entender,devido ao número de páginas que limita,mas por outro lado,ela poderia ter escolhido menos assuntos e focado neles... Enfim,entre altos e baixos,achei interessante a proposta do livro e muito válida,visto que é um assunto pertinente,real,e cada vez mais comum (infelizmente)..
    Você sabe se esse é o primeiro livro da Pam? De qualquer forma,tenho certeza que a autora irá amadurecer na sua escrita...só pelo nome reconheci ela como resenhista no youtube...foi uma das primeiras que conheci desse segmento...Mesmo ela não tendo acertado neste,desejo boa sorte para ela e creio sim que irá melhorar bastante nos próximos!
    Bjss :*

    ResponderExcluir
  6. Oi, Natalia!!
    Já conhecia o livro mais nunca li e também a maioria das resenhas que leio desse livro falam negativamente dele. Acho que a premissa até que é boa mais não houve aprofundamento no tema!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  7. Uma pena o livro não ter dado conta de falar sobre assuntos tão importantes a serem tratados! É aquela velha história, menos é mais!!!! Talvez se a autora tivesse focado em um assunto teria sido uma obra melhor trabalhada.

    Blog aboutbooksandmore.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Já conheço um pouco do trabalho da autora por ver uns vídeos dela no youtube. E por isso achei legal o livro. Mas acho que fica por cada leitor mesmo, já que vi muitos elogios pra ele antes. Uma pena que não tenha agradado tanto. Confesso que tenho certo medo de ler e achar raso, com os temas poucos trabalhados como disse. Mas se ler espero gostar, porque achei a premissa dele e as ideias bem interessantes. Aí só vendo mesmo.

    ResponderExcluir
  9. Oi Natália, eu quero muito ler o livro da Pam, mas não é algo que eu precise fazer desesperadamente é claro. Muitas pessoas falaram que esperava mais da escrita dela, mas acho que pra um primeiro livro - fora O Amor nos tempos dos Likes - tá valendo né.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  10. Natália!
    É complicado quando vários assuntos importantes são abordados em um livro, porém sem grande profundidade, parece um tanto aleatório.
    O livro tem dividido as opiniões, li resenhas bem favoráveis e outras nem tanto como a sua.
    Resultado? Terei de ler para tirar minha própria opinião.
    “O que sabemos, saber que o sabemos. Aquilo que não sabemos, saber que não o sabemos: eis o verdadeiro saber.” (Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  11. Olá Naty! Que pena que o livro não te agradou! Eu nunca tinha visto falar dele e nem da autora. Inicialmente a premissa parece interessante, mas logo cai no cliché. Realmente, quando o autor aborda diversos assuntos polêmicos em uma mesma obra, muitos tendem a ficar só na superficialidade e outros acabam não sendo tão bem explorados como deveriam, ainda mais em apenas 240! A capa é muito bonita, assim como as fotos que você fez do livro! Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Talvez o livro tinha tudo para ser uma boa história, até porque a autora abordou assuntos bem bacanas que devem ser discutidos, porém como mesma disse foi muito conteúdo para pouco desenvolvimento, faltou essa continuidade dada aos temas. Isso ficou bem superficial, e não tanta importância aos fatores. Vejo que esse livro não funcionou com você além da trama não ter te envolvido, a personagem não te cativou, uma pena. Tenho esse livro, e estou ansiosa por essa leitura, principalmente porque já acompanhava a Pam nas redes sociais.

    ResponderExcluir
  13. Oi, Naty
    A Pam é uma das queridinhas do youtuber e esse livro tem sido bastante comentado. Uma pena que você não curtiu muito. Eu leria, somente se ganhasse o livro, mas não sei se compraria.
    Gostei da sua visão sincera do livro. Acho que muitos assuntos polêmicos em um livro só com tão poucas páginas, fica excessivo mesmo.

    ResponderExcluir
  14. Já tinha visto o livro e ouvido falar da youtuber, mas não acompanho canais deles e nem li nenhum livro. Os temas abordados são interessantes e acontece na realidade, inclusive vejo muito na TV falando da bebedeira e drogas nas festas de faculdades e suas consequências, é uma pena que a historia deixou a desejar, não compraria pra ler.

    ResponderExcluir
  15. Ao meu ver a escritora tentou criar um livro com vários temas polêmicos mas se perdeu no meio do caminho, acho que era mais fácil ter escolhido um tema especifico e ter se concentrado somente nele em vez de força vários temas em uma história só. Eu sinceramente não iria comprar esse livro, ao meu ver ia ser uma perda de tempo e de dinheiro. Obrigada pela resenha sincera.

    ResponderExcluir
  16. Nossa, 240 páginas é realmente muito pouco para tratar de tantos assuntos e ainda mais assuntos que são tão delicados e difíceis de se falar. Uma pena que a história não tenha funcionado com você. Espero que com outros funcione.

    ResponderExcluir
  17. Poxa, é tão ruim quando o autor não consegue cativar o leitor... também é tão ruim quando ele não consegue desenvolver temas tão complexos que quando escritos precisam ser bem explorados. Não deu tanta vontade assim de ler.

    ResponderExcluir
  18. Eu gosto bastante do gênero, e estou querendo muito ler esse livro. Eu achei bem interessantes os temas tratados pela autora, e a história parece sr muito boa. Mas é uma pena que os temas não foram aprofundados, e que a história não é muito bem construída. Eu acho que se o livro tivesse umas 100 páginas a mais, o livro já poderia ser bem melhor.
    Ainda estou querendo ler o livro, mas não é uma prioridade.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Não conhecia a autora e muito menos esse livro, gostei da premissa dele acho importante falar sobre esses assuntos principalmente se o público for mais jovem e é uma pena que a autora tenha pecado e se perdido tanto na construção da história.

    ResponderExcluir
  20. Oi Natalia...
    Já vi algumas resenhas sobre esse livro e pelo que vi além de ser algo bastante clichê, a história deixa a desejar... Fica faltando aquele algo mais que esperamos de um livro... Não pretendo ler essa obra no momento... Quem sabe mais pra frente...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  21. não conhecia a autora nem o livro e antes de vc disser que não tinha gostado eu já estava pensando que não era o tipo de livro que eu queria ler
    adorei a sua sinceridade e também a forma com a qual apontou os defeitos do livro
    foi com muita elegância.
    deixar passar.

    ResponderExcluir
  22. Estou interessada neste livro, embora ele tenha seus pontos negativos, como o não aprofundamento nos temas e a inserção de vários assuntos quero ler. Acho que mesmo ele sendo superficial, ele passa sua mensagem, alerta os adolescentes/jovens sobre os perigos que os cercam. Quero conhecer o livro e poder ter minha opinião. Ótima resenha.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  23. Oi!!

    }Nem tinha me tocado de que era uma autora nacional hahaha Também essa é a primeira vez que eu estou ouvindo falar no livro.
    Essa coisa de ter vários assuntos e não se aprofendar direito em nenhum parece estar sendo um erro bem recorrente no mercado nacional, o que é um pouco triste. Parece q as pessoas não param e acertam a ideia na cabeça antes de escrever, sabe?

    bjbj

    ResponderExcluir
  24. Oi, Natalia!
    Eu ja sabia que a autora era uma booktuber, mas nunca tinha lido nenhuma resenha.
    Embora eu acha que o assunto abordado seja interessante de se discutir, concordo que foram poucas paginas para isso. Acredito que assim como vc, eu também não iria me atrair pela obra. Beijos!

    ResponderExcluir
  25. Oi Natalia, tudo bem?
    É uma pena que a autora não tenha conseguido abordar todos os temas propostos. São assuntos todos muito importantes e teria sido melhor ela ter escolhido apenas um e falar com um pouco mais de aprofundamento. Ainda assim, acho que não tenha sido de todo ruim. A capa é bem bonita mesmo e o título me chamou atenção, ainda que eu não entenda a conexão dele com a história.
    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Eu ameii muito esse livro!
    Li em uma tarde e enchi de post-its!
    Gosto muito da Pam e eu não iria deixar de comprar seus livros!
    Já li os dois dela e simplesmente amo!
    Boa Noite foi um livro tão leve e com assuntos importantes dentro!
    Gostei muito!

    ResponderExcluir
  27. Acompanho a Pam no Youtube há um bom tempo, "participei" da escolha da capa do livro e tal, achei o tema super importante, mas não cheguei a ler.
    É uma pena que ela não tenha trabalhado bem com as temáticas envolvidas, talvez por querer abordar tudo em tão poucas páginas. Talvez se tivesse sido um livro mais longo, não sei...
    De qualquer forma, os vídeos dela são bons :)

    Beijos

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.