Resenha: Eu, inabalável


Este é o primeiro livro que recebo em parceria com a Editora Pendragon. Fiz uma pesquisa no Skoob sobre a opinião dos leitores, vi muitos elogios e resolvi solicitá-lo, mas a experiência não foi exatamente como eu imaginei.

Eu, inabalável é o livro de estreia do autor nacional Josué Matos. Nesse romance policial conhecemos o protagonista chamado Leonardo, um jovem sedento por vingança. Seu irmão foi assassinado e, além de o culpado nunca ter sido descoberto, o suspeito do crime foi considerado inocente por ausência de provas – para indignação de Leonardo.

Pelo fato de Alan ser homossexual, a principal suspeita é de que se trata de um crime homofóbico. O assassino não apenas levou a vida do irmão de Leonardo, ele levou a lucidez de sua mãe e o sossego do pai.

E não é só isso. Imagine-se tendo seu irmão assassinado, sua mãe internada em estado de choque e seu pai consumido pelo ódio. A polícia? Inerte. Você deseja vingança, mas está disposto a fazer qualquer coisa para tê-la? Você iria até o fim?


Valéria Mayer é a detetive que vai cuidar desse caso. Ainda que ela esteja desconfiada do assassino e, por vezes, queira colocá-lo na prisão, o detetive não autoriza por apenas ser considerado suspeito, sem provas concretas.

O que me surpreendeu no livro foi o fato de o autor abordar assuntos bem polêmicos e que, muitas vezes, são deixados de lado em nosso dia a dia. Ou melhor, são vistos de forma preconceituosa e com repulsa, a exemplo da relação entre homossexuais e até mesmo da adoção entre pessoas do mesmo sexo. Não obstante, Josué ainda aborda sobre o tráfico de drogas e a violência sexual, ainda que não seja de forma tão aprofundada.

O livro consegue nos passar uma boa lição de como uma decisão tomada pode nos influenciar toda a nossa vida. De como uma atitude impensada pode destruir inocentes e absolver os culpados. Ele nos mostra como um erro no passado é capaz de prejudicar posteriormente, ainda que a pessoa tenha mudado sua postura e sua visão sobre as coisas.


Embora a obra consiga-nos passar algum aprendizado e sua história tenha qualidade, se aprimorada, senti extrema dificuldade em me apegar ao conteúdo de tantos erros que encontrei durante a leitura. Sinopse, contracapa, orelha, até mesmo na página com as informações do livro é possível encontrar falhas na revisão. Aliás, não acredito que ele tenha passado por um revisor e, portanto, indico a dica à editora e ao autor. A diagramação e a capa ficaram ótimas, mas infelizmente a revisão deixou a desejar.

Para quem gosta do gênero, certamente vai curtir a história.

Outras fotos:




Título: Eu, inabalável (exemplar cedido pela editora)
Autor: Josué Matos
Editora: Pendragon
Páginas: 2015
Ano: 212

25 Revelaram sentimentos:

  1. Está Editora é nova? não me lembro de já ter algo dela. É horrível ler livros com revisão ruim, já abandonei leituras devido a isso pois a leitura simplesmente não flui, espero que a editora leia as críticas construtivas e melhore.

    ResponderExcluir
  2. Oi Natalia, tudo bem?
    Eu nunca li nenhum livro dessa editora, e só vim ter conhecimento da existência dela à pouco tempo. A história em si não chamou minha atenção. Acho que ela parece ser meio pesada por causa dos dramas. E não poderia ser diferente na situação que nosso protagonista se encontra né.
    Beijos
    [SORTEIO]Baile Literário
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  3. Olá, Nah!!
    Não sou muito chegada ao gênero romance policial, mas, se começar a ler, ele te prende para saber o que acontece, igual nesse livro que ele tenta achar quem matou seu irmão, e outras coisas que acontece ao longo do livro...
    Não conhecia essa editora. Gostei da resenha, e do livro!!!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Oi Natalia, tudo bem?
    A sinopse deste livro é muito legal, e o tema é super importante de ser abordado. É uma pena que a revisão tenha sido tão ruim, isso as vezes pode estragar a experiência com um bom livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o livro e pelo jeito da história até que gostei. Acho legal também que tenha tantos temas aí no meio, coisas polêmicas e etc. Mesmo que não aprofunde muito em cada um deles é interessante que tenham algum destaque. Acho que iria gostar.
    Mas que pena que a revisão esteja com essas falhas =/

    ResponderExcluir
  6. Li um livro da editora e gostei. Esse parece ser bem denso, perdermos alguém de forma brutal nos deixa revoltado dá até para entender o lado do personagem. Muito bom passar lição para refletirmos sobre nossas atitudes, pois todas geram consequências as vezes boas e outras ruins.

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Eu nunca ouvir falar dessa editora, deve ser nova, mas enfim uma pena que o livro teve tantos erros ortográficos isso também me incomoda um pouco quando estou lendo.
    Adorei que o autor aborda assuntos polêmicos mesmo que esse ainda seja um tabu em nossa sociedade, gosto bastante dessa premissa de investigação e suspense, mas não sei se leria.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Olá, livros que falam sobre vingança nunca saem de moda, é dever do autor defender os motivos do personagem a fim de comover o leitor. Nesse livro temos tudo isso somado a alguns temas polêmicos e que devem ser abordados. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá Natalia, obrigado pela resenha, nós autores devemos receber sempre com bons olhos as críticas negativas e positivas. Sua resenha servirá para uma nova avaliação do livro, visto que, o mesmo é de 2015 e foi revisado por profissionais formados em letras (vide ficha catalográfica). Numa nova edição, será realizada novamente outra revisão. Gostaria de deixar claro também que a editora fez a revisão, infelizmente erros passaram, mas não acho justo desmerecer o trabalho de uma empresa que vem demonstrando muito mais prós do que contras. Como disse, o livro é de 2015, dois anos se passaram e com certeza a editora melhorou em muitos aspectos. Mais uma vez obrigado pela sinceridade, são de parceiros assim que necessitamos. Abraços.

    ResponderExcluir
  10. Nat, que pena esse livro conter tantos erros de revisão, eu tenho um TOC com isso, então com certeza já teria escrito um email para a editora kk. Entretanto, essa história parece ser fascinante, todo o enredo montado é uma cena comum no dia a dia de muitos homossexuais pelo mundo a fora. E foi uma boa jogada do autor colocar vários temas polêmicos em apenas uma obra.

    ResponderExcluir
  11. Naty,
    uma pena o livro ser cheio de errinhos, isso acaba prejudicando o próprio autor! Adoro livros policiais e a-m-o livros que abordam assuntos sérios, como vc disse da homossexualidade e violência sexual. Fiquei curiosa para ler, mas acho que esperarei que a editora faça uma nova revisão logo. Esses errinhos me dão um TOC terrível!

    Abraços <3

    ResponderExcluir
  12. Faz um bom tempo que não leio algo do tipo e achei bem interessante o autor conseguir passar uma lição e tratar de temas polêmicos. Pela capa eu imaginei um romance super hot rsrs

    ResponderExcluir
  13. Oiiii!
    Não sou muito fã de romances policiai!
    Não me identifico com esse gênero.
    Gostei bastante da capa e me interessei muito pela sinopse dele.
    Vou ver se vou ler!

    ResponderExcluir
  14. Natália!Gosto muito do gênero policial e gostei de ver vários assuntos relevantes serem abordados no livro, mesmo que pouco aprofundados, o que é uma pena.
    Acredito que o livro retrata o que acontece na vida real mesmo, porque por vezes, muitos assassinos e meliantes ficam soltos por falta de provas ou porque a lei dá brecha para eles.
    Até fiquei interessada na leitura, mas com tantos erros de revisão, acredito que quebra um pouco o clima...
    “Todos os homens, por natureza, desejam saber.” (Aristóteles)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  15. Oi, Naty
    O que me chamaria atenção nesse livro é a crítica social que ele traz e parece ser o ponto positivo da trama. Mas nunca tive muita vontade de ler a obra. Ainda mais sabendo de alguns erros.

    ResponderExcluir
  16. Acho que as editoras menores normalmente pecam um pouco mais na revisão mas é algo que dá para ser melhorado.
    Quando vi a capa do livro imaginei um romance mas a premissa da história me surpreendeu bastante.

    ResponderExcluir
  17. A capa e a premissa são maravilhosas, mas o enredo e o gênero não me agradam, infelizmente (apesar dos temas tratados serem muito importantes) . Como a pessoa do comentário acima, creio a capa ilude um pouco quanto ao conteúdo (achei que fosse algum romance contemporâneo ou algo do tipo). Enfim, dessa vez vou passar a dica.

    ResponderExcluir
  18. Oi Nati...
    Não conhecia o livro, mas achei a premissa bastante interessante... Realmente trata de assuntos bem polêmicos e pelo que posso ver traz lições muito interessantes pra nós no decorrer da história... É uma pena que a revisão tenha deixado a desejar... Confesso que erros assim durante a leitura me incomodam bastante...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  19. Eu tinha visto essa obra no aplicativo da editora e até havia me interessado por conta dos temas que aborda, mas a revisão mal feita (ou NÃO feita) me incomoda demais. Talvez se revisarem e lançarem novamente, eu resolva dar uma chance.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Oi, Natalia!!
    Adorei conhecer esse livro da editora Pendragon. A capa é maravilhosa!! A premissa parece ser bem interessante!! E uma pena que você encontrou falhas na revisão. Mesmo assim acho que vale a pena conferir essa história.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  21. Oi, Natalia!
    Curto romance policial mas confesso que não me interessei pela trama de Eu, inabalável, não fiquei curiosa para saber se Leonardo conseguirá se vingar e quais meios ele usará para realizar essa vingança, por isso no momento eu dificilmente leria esse livro, contudo, como é um livro nacional e como  uma fã de livros nacionais, se eu tiver a oportunidade de Eu, inabalável futuramente vou ler sim...
    Ps: Pena que o livro tenha tantas falhas na revisão, e que a leitura não foi como você imaginou.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bom?
    Gostei da resenha, não conhecia o livro, mas parece ser bom, gostei dele falar de assuntos tabu digamos assim né, a homossexualidade, que por muitos ainda não é aceita, fiquei curiosa quanto ao mistério, e espero ter a oportunidade de ler.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  23. Parece interessante, e um tanto curioso, isso somente olhando pela capa que aparentemente foi bem feita. Como li parece que é daqueles livros que mechem com a gente, mesmo não sendo perfeito. Se algum dia me deparar com este livro posso até ler, me deixou um pouco curiosa.

    ResponderExcluir
  24. Oi Natalia,
    Ainda não li um livro dessa editora, mas vou ficar de olho nos próximos lançamentos. Adoro romance policial, é um dos gêneros que mais gosto de ler, então esse é um livro que daria uma chance com certeza. Livros em que são abordados assuntos polêmicos sempre chamam a minha atenção, e mesmo que não sejam tão aprofundados, ainda trazem belas lições. Uma pena essa questão da falha na revisão.
    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Se não me engano tenho esse livro a um bom tempo no kindle mas nunca tinha me dado ao trabalho de lê-lo e confesso que não sei se irei ler pelo fato da revisão. Mas também deve ser dar credito ao autor pelo fato de estar iniciando no mercado literário. Eu confesso que a editora devia ter dado uma atenção especial para a revisão, porque o trabalho da capa ficou realmente bom. Espero que ele faça muito sucesso.

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.