03 janeiro 2019

Resenha: A garota que bebeu a lua

“Até mesmo o impossível é possível”
Fala galera, hoje vim trazer para vocês a resenha desse livro fofo que eu li em dezembro. Simplesmente recomendo para todas as idades.

Entendendo a Magia (Sinopse):
Todo ano o povo do Protetorado deixa um bebê como oferenda para a Bruxa que vive na floresta, na esperança de que o sacrifício a impeça de aterrorizar sua pequena cidade protegida pelos muros e pela Torre das Irmãs da Guarda. Mas Xan, a Bruxa da floresta, ao contrário do que eles acreditam, é bondosa.

Ela vive em paz com um Monstro do Pântano muito inteligente e um Dragão Perfeitamente Minúsculo. Todo ano ela resgata o bebê deixado pelos Anciãos, levando-o em segurança para uma família adotiva nas Cidades Livres do outro lado da floresta. Durante a longa viagem, quando a comida acaba, Xan alimenta os bebês com luz estelar. 

Em uma dessas ocasiões, Xan acidentalmente oferece à pequena bebê a luz do luar, dotando-a de uma magia extraordinária. Diante disso, a Bruxa decide criar a menina “embruxada”, a quem chama de Luna. À medida que o aniversário de treze anos da garota se aproxima, sua magia começa a aflorar - o que pode colocar em perigo a própria Luna e todos a sua volta.

Enquanto Luna cresce sob a proteção de Xan, do Monstro e do seu Dragão Minúsculo, um rapaz no Protetorado está determinado a libertar seu povo e proteger sua família, mesmo que para isso precise matar a Bruxa. Pássaros estranhos e perigosos revoam no entorno. Um vulcão, adormecido há séculos, agora murmura próximo à superfície. E a Mulher com coração de tigre anda à espreita.

Decifrando a magia:
A verdade é que a sinopse já diz tudo o que você precisa saber para ler esse livro, então vou fazer um pequeno resumo e dizer o que achei. E não se preocupem pois o que será dito não é spoiler, acontece logo nas primeiras páginas.

Como lido anteriormente, a história começa com uma cerimônia que acontece todo ano onde o bebê mais novo do Protetorado é levado pelos Anciãos para a floresta com o propósito de ser deixado para a Bruxa. A desculpa dos Anciãos é que com a entrega desse bebê à Bruxa deixará todos em paz e não irá destruir o Protetorado. O que acontece é que os Anciãos sabem que na realidade não existe bruxa nenhuma e isso é apenas uma desculpa para alienar o pessoal.

O que eles não esperavam é que realmente existisse uma bruxa e seu nome é Xan, que todo ano faz uma viagem do local onde ela vive na floresta para o local onde um bebê é deixado. Ela não entendoe o motivo de fazerem aquilo todo ano, porém, ela não se questiona sobre isso e todo ano leva a criança para uma família que realmente vá cuidar bem da criança.


Como a viagem é longa a comida acaba, então, para alimentar os bebês ela dá um pouco de luz das estrelas para os pequenos. A luz das estrelas tem um pouco de magia e faz com que as crianças cresçam iluminadas e tenham uma boa vida. O que acontece é que sem querer, ao levar Luna, Xan se distrai e acaba alimentando a criança com luz da lua. Essa é uma luz muito poderosa, que faz com que a criança fique embruxada, ganhando poderes mágicos. E aí sim a história toda se desenrola.

Acredito que o plot principal do livro é sobre questionamentos. A forma como o Protetorado aliena as pessoas nos faz questionar a nossa sociedade e o governo ou outras entidades superiores. Até que ponto é verdade as coisas que escutamos e como podemos sofrer consequências por não questionar essas ordens que nos são impostas. 

Não só isso, mas em determinado momento Luna começa a manifestar a magia e Xan faz algo para freá-la, pois pode ser perigoso já que a criança ainda não entende e não consegue se controlar. Xan tenta explicar mas não consegue, Luna é impulsiva e elétrica, dificultando as coisas para Xan. E aí entra a questão também se é tão ruim esconder certas coisas das crianças e daqueles que amamos. Ou será que deveríamos contar? Quais as consequências disso?

Apenas um jovem do protetorado questiona tudo isso, o pequeno Antain. Desde criança, quando era aprendiz de Ancião, ele questiona os atos dos seus superiores, o que faz com que ele não seja bem visto pela ordem, todavia, ele dá sorte já que o Grande Ancião é seu tio. Antain é a personificação da esperança no livro para um pessoal que vive de tristeza.

Aliás, os personagens do livro são muito bons e cada um pode ser uma personificação de algo, Antain a esperança, Luna o amor, Glerk (o monstro do pântano) o conhecimento, Xan a proteção e assim por diante. Todos eles são extremamente carismáticos e fácil de se apegar. Inclusive um deles se destaca que é o pequeno Fyrian. O dragãozinho do tamanho de uma pomba que vive com Xan e se acha gigante, mas sua inocência e sensibilidade é tanta que ninguém ousa questioná-lo para não magoar seus sentimentos.

As cores da magia:
A edição da Galera Record tem uma das capas mais lindas que já vi. Letras de tamanho certo e espaçamento também. A única coisa que pode desagradar os mais exigentes é que às vezes dá para ver as outras letras da parte de trás da folha. Mas sinceramente isso não me incomodou de nada.

Consequências da magia:
Não é à toa que a autora ganhou uma medalha pela contribuição à literatura infanto-juvenil, A garota que bebeu a lua é um livro incrível, com ensinamentos fantásticos não só para crianças como para pessoas de todas as idades. É um livro divertido e com grandes surpresas no decorrer da história. 

Emoção, suspense, risos, tudo isso você encontra aqui. Principalmente uma dose grande de fofura. E eu te desafio a ler esse livro e não sair dele com um sentimento de esperança no coração. 

 

Título: A garota que bebeu a lua
Autora: Kelly Barnhill
Editora: Galera Record
Páginas: 308
Ano: 2017

26 comentários

  1. Oi, Fábio
    Li algumas resenhas desse livro e ele esta na minha lista de desejos.
    A capa realmente é linda, não me incomodo de enxergar as letras da outra página.
    Gostei muito da trama, pelo jeito temos vontade de guardar a Luna dentro de um potinho, é tão bom ler livros que podemos ter empatia por vários personagens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luana

      Coloque mesmo nos desejados, vale a pena. A capa é muito bonita. Sim, a Luna é fofinha e o resto dos personagens também são muito fáceis de simpatizar. Certeza que você vai gostar.

      Excluir
  2. Este livro esteve em alta no último ano, acredito que por trazer um título lindo, capa maravilhosa e um enredo fantástico, que não só apresenta a doçura dos personagens, mas também essa pontinha de mistério que envolve a todos!
    Juntar magia, emoções, sentimentos tudo num enredo só e de quebra, apresentar todo um cenário com personagens muito bem construídos!
    Adorei e com certeza, tenho esperança de ler este livro neste novo ano!
    Beijo

    www.vazionaflor.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Angela

      Sim, eu lembro que via esse livro em todo lugar tambem kkkk. Mas ele faz jus a fama. É uma mistura muito boa e muito bem feita que traz divertimento com certeza.

      Espero que consiga ler sim.
      Beijos.

      Excluir
  3. A magia nessa história foi o que me chamou atenção e deu vontade de ler. Achei linda essa ideia da luz das estrelas e da lua, como a menina ficou com poderes por isso. É algo um tanto diferente. Os questionamentos e lições que se pode tirar também achei bem legal porque mostra que o livro pode ser mais do que so uma história jovem com magia. O jeitinho dela parece encantar e prender bem e ainda com umas lições só fica melhor. Deu vontade de ler. Tem bem mais do que imaginei nesse livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cristiane

      Também gosto de uma historia com magia, afinal fantasia é meu ponto fraco kkkk. Sim, esse livro é uma caixinha de surpresas. Recomendo muito. Se tiver chance de ler não deixe passar.

      Excluir
  4. Olá, Fábio.

    Toda a história parece tão doce como a luz do luar. Parece um livro divertido e reflexivo. O fato da bruxa e da magia aparenta ser tão divertido e cheio de carinho. Sinto que quando lê-lo vou surtar muito por causa de fofura.

    Feliz Ano Novo!

    R.W.

    newsfallenbooks.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gabrielle

      E é sim, brilha que nem a lua cheia. As coisas nesse livro não são o que aparentam ser, vale apena conhecer e se surpreender.

      Feliz ano novo =*

      Excluir
  5. Oi Fábio,
    Amo livros em que a narração se intercala por achá-los mas completo. Me surpreendi com sua resenha, não esperava uma história tão original e "amorzinho", fiquei bem curiosa para saber como essa magia irá se aflorar na garota e como ela lidará com isso!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vitória

      Obrigado ^^. Espero que você possa ler em breve e assim como eu se encante com esse livro.

      Bjs

      Excluir
  6. Olá, como vai?
    O livro parece ser muito fofo, já ouvi falar muito dele, o que me fez ter muita vontade de ler.
    Parece ser bem divertido.

    Beijos!!
    https://sentimentos-de--uma-garota--bipolar.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.

      Tudo tranquilo, espero que com você também. É sim um livro bem divertido, vale muito a leitura, mais que recomendo.

      Bjs

      Excluir
  7. Ai que fofo!
    Não conhecia a autora. O livro eu tinha visto mas pensei que seria algo muito mais infantil. Pelo o que você escreveu, vai agradar qualquer pessoa. Achei tudo muito lindo e cheio de fofura.
    Quero muito ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nil

      É um livro para todas as idades, arrisque ^^.

      Excluir
  8. Muito bom! Seu blog é muito bom mesmo, estou amando ler os seus artigos..

    Já salvei seu Blog em meus favoritos.


    Estou amando seu blog ❤️


    Meu Blog: Blog de Loterias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Samara

      Que bom que está gostando do blog. Espero que continue por aqui =D

      Excluir
  9. A Garota Que Bebeu a Lua me encantou por sua capa, comecei empolgado lendo a resenha e logo sua descrição do quão fofa é a obra. Segui adiante, me aprofundando na história, descobri a história da bruxa pegando e bebês e fiquei apavorado em como isso podia ser fofo? Felizmente continuei a leitura e me deparei com uma premissa muito legal e encantadora. Fiquei muito curioso com a jornada do bebê, da bruxa e seus amigos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ycaro

      kkk A bruxa não é tão má quanto parece. Vale a pena a leitura, você vai descobrir como esse livro é muito bonito.

      Excluir
  10. Olá Fábio, tudo bem?
    Eu adoro a capa deste livro, e eu achei a premissa tão fofinha que fiquei com vontade de conhecer esta estória.
    O melhor de tudo é a lição que ela traz por trás desse enredo cheio de magia.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lara

      Conheça, eu recomendo, é bem bonito e legal. Você vai gostar
      Beijos

      Excluir
  11. Fábio!
    Gosto muito de livros infanto juvenis e com todo esse toque mágico e personagens fantásticos, parece um livro interessante, ainda mais com uma boa escrita.
    Fiquei intrigada apenas com o fato da repetição, achei que fosse um livro mais dinâmico e com aventuras.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rudy

      Leia, acho que você irá gostar. Tem aventuras e não tem repetição.

      Excluir
  12. Realmente é um livro muito fofo, a capa ja diz tudo para mim, é muito linda. A història parece bem adolescente, o que curto muito. Mesmo com 300 pàginas eu me interessei muito pelo livro, creio que será uma leitura rápida e muito agradável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ana

      Realmente, a capa é linda. A historia é infantojuvenil, bem leve e é rápida sim, muito agradável de ler. ^^

      Excluir
  13. Esse sem dúvida vai para a lista de desejos, o enrendo parece ser bem interessante e fogo ao mesmo tempo, E que capa linda!

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.