Crítica: Filme O Sonic

Por Naty Araújo •
21 fevereiro 2020

O personagem Sonic é da época de muitos de nós, foi criado no início da década de 90. A Sega estava em busca de criar um personagem para representar o Mega Drive e com isso surgiu o “Sonic the Hedgehog” – um ouriço bem fofo que encantou (e ainda encanta) os amantes de games. 

É claro que sempre ficava a dúvida na disputa entre Sonic e Mario, Sega ou Nintendo, assim como existe até hoje entre a Coca e a Pepsi. Difícil agradar a todos de forma unânime, uns sempre preferirão o Mario, outros até ficam em cima do muro sem saber em qual votar, já que amam ambos. Porém, é inegável que a Sega tinha alguns jogos com qualidade inferiores, e acabava perdendo para seu adversário. 

Aqui o cenário muda e o filme do Mario perde para o do Sonic, como poderíamos prever, até mesmo pela diferença de anos que foram criados – entende-se e com razão. Há rumores que haverá um novo filme da Nintendo em 2022, resta-nos esperar para ver. Enquanto isso, vamos conhecer um pouquinho mais sobre o personagem mais famoso da Sega. 

Sonic – O filme acabou sendo adiado em virtude de duras críticas que os fãs do game fizeram, afinal, no trailer aparecia um mascote estranho, meio humano e nada a ver com o original. Após diversas reclamações na internet, muitos memes e zoações, a produção resolveu mudar, por isso demorou um pouquinho mais para a estreia da animação. E deu certo. O mascote está condizente com os jogos, seu tamanho ficou melhor e até mesmo o sapato vermelho ficou esteticamente perfeito. 


Ao lado de Sonic, temos um personagem real para comandar o filme, o xerife da cidade, Tom Wachowski (James Marsden). O xerife está insatisfeito com o trabalho que leva e também com a pequena cidade que mora, Green Hills. Ele deseja se mudar para São Francisco com a esposa e ser reconhecido pelo seu trabalho. Para quem não lembra, Green Hill Zone é o primeiro estágio do jogo da Sega – essa é uma das várias referências que o filme faz. 

Logo no início da live action já relembramos a sensação de apertar o start do jogo. Somos levados a um cenário com muitas cores e paisagens de Green Hill Zone, em que Sonic, com sua velocidade desenfreada, explora o ambiente e nos conta a sua história. Além disso, diferentemente do jogo, em que os famosos anéis eram capturados para ganhar vida e score, no filme, eles servem para abrir portais. 

Antes de cumprir uma espécie de missão que lhe é dada, ao passar por um anel-portal e ir para outro mundo, Sonic quer aproveitar tudo o que ainda não fez, quer entrar num bar, quer brigar numa festa, quer dançar, assim como deseja ter um amigo. Durante o filme sentimos esse peso em suas costas, tudo o que ele faz é consigo mesmo. Brinca de ping-pong, é o paciente e ao mesmo tempo o terapeuta; ele é um, mas faz o papel de dois em tudo, pois não há ninguém com quem possa dividir as coisas ou simplesmente ficar no mesmo ambiente. E isso é muito emocionante, a forma tratada no filme é de deixar desde um adulto até uma criança com vontade de abraçar Sonic e falar que tudo ficará bem. 


O destaque, por sua vez, fica com a atuação de Jim Carrey em seu personagem Robotnik, o arqui-inimigo do Sonic. Ele rouba a cena com seu jeito cômico, sua performance impecável, relembrando os bons tempos em que ele interpretou Ace Ventura, O máscara e O mentiroso

É uma história que não possui complexidade, pessoas de qualquer idade conseguem compreender o enredo. Alguns fãs podem ficar insatisfeitos já que a computação gráfica não é das melhores. Existem cenas que o Sonic aparece pequeno e, em outras, ele já está um pouco maior, mas nada que atrapalhe ou que desmereça assisti-la. Em suma, é um ótimo filme para assisitr com a família e se divertir.

Comentários via Facebook

10 Revelaram sentimentos:

  1. Eu acho que o importante em filmes assim é a diversão!!!
    Se deu para sentir uma pitada de nostalgia, sorriu e saiu do cinema, contente, já valeu a pena!!!
    Eu quero muito ir ver assim que chegar aqui em Lost!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  2. Oi, Naty
    Ainda não vi o filme, mas quero muito.
    Pelo jeito o filme deu certo e está sendo um sucesso entre os fãs, foi uma decisão acertada do diretor e toda equipe mudar o Sonic e adiar a estreia e ser fiel ao original.
    Fez parte da minha infância, procurei o trailer e senti uma saudade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá! Estou doida para assistir esse filme, principalmente porque Sonic fez parte da minha infância/adolescência, sendo um dos únicos jogos de videogame em que eu era (modéstia a parte) muito boa, achei o máximo que eles tenham dado ouvido às críticas do público e refeito o ouriço, o tornando mais próximo da imagem dos games e muito fofo.

    ResponderExcluir
  4. Naty!
    Andei vendo também alguns comentários sobre a personagem do Sonic e pelo visto, deu certo toda reclamação dos fãs.
    E vi também uma reportagem falando sobre o retorno do Jim Carey que estava alguns anos sem fazer filmes devido háuma depressão.
    Quero muito conferir.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Lembro qual saiu o primeiro trailer do filme e fiquei bem animada para assistir. Já que desde a minha infância eu joguei esse jogo e sempre procurei zera. Difícil eu ter uma certa escolha entre mario e sonic, pois amo os dois. Eu estou bem ansiosa para assistir ao filme, espero supera a minha expectativa.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  6. Oi, Naty
    Estou doida para assistir esse filme!
    Que nostalgia!
    O Sonic parece fofo e divertido como sempre, e toda a trama parece ser bem legal, gostosa de acompanhar, sem muitos dramas, mas muito cativante.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Nunca fui muito fã de games, mas o único que jogava com o meu irmão era o do Mario rsrsrs
    Fiquei sabendo que o filme teve que ser refeito por causa do personagem não ter agradado os fãs, achei bem importante os fãs terem sua voz ouvida rsrs
    Mesmo não gostando muito de games pretendo assistir o filme.

    ResponderExcluir
  8. oi
    não sabia que tem o filme do SONIC
    JOGUEI esse game mas só ficava na 2 fase
    que bom que o filme te agradou

    ResponderExcluir
  9. Esse filme é uma baita nostalgia
    Já assisti e gostei muito beijos

    ResponderExcluir
  10. Sonic minha infância todinha!!
    Pra mim, não foi oh!!! que filme perfeito mas em comparação a outras adaptações foi bem!
    Jim maravilhoso como sempre

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos | Resenhas de livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in