Resenha: Deixei meu coração em modo avião

Por Cristina Golombieski •
20 maio 2020

Sinopse: Um livro pode ser chamado para se libertar da aceleração, aquela lá de fora e aquela que internalizamos, e adentrar uma dimensão mais suave, na qual nos reconciliamos com o nosso ser.

Fabíola escreve como quem serve um bolo de fubá com erva-doce, um cafezinho gostoso e uma boa conversa . Ela reflete sobre a importância de levarmos uma vida mais leve, de não se cobrar perfeição, de descansar entre os momentos apressados, ser gentil com os outros e consigo mesmo. É sobre aproveitar as delícias da solitude, respeitar seu próprio ritmo e o ritmo da vida, soltar um pouco as rédeas do controle e acolher sem medo nem pretensão o mistério da existência.

Guiado por um olhar doce e observador, você vai se enriquecer com os aprendizados , fazer uma pausa e pensar sobre suas próprias experiências, as mais corriqueiras e as mais marcantes, as que deixaram saudades e as que deixaram feridas que não veem a hora de ser curadas, as que foram vividas e as que você viverá a partir de agora. Boa leitura!



Resenha: Quando eu vi esse livro, imaginei ser um romance bem gostoso e clichê, mas fui surpreendida ao me deparar com um livro cheio de crônicas, que caiu no meu colo no momento certo, por causa da nossa situação atual (covid 19). Para usufruir bem a leitura, me propus a ler 3 crônicas por dia e deu super certo.

O livro é divivido em 4 partes e em cada uma delas, a autora fala com a gente com finalidades diferentes. Separei o trecho do último tópico, pois acredito que têm tudo a ver com a nossa situação atual. Espero que gostem!

- DESLIGANDO O WI-FI

(EM UM RELACIONAMENTO SÉRIO COM A MINHA PAZ): Esse tópico é destinado ao amor- próprio, auto conhecimento e saber lidar com a solitude

- ESPERANDO NOTIFICAÇÕES
(SERENDIPITY): Esse tópico é destinado a reciprocidade e saber encerrar ciclos.

- ALTA CONECTIVIDADE
(EU ESCOLHO TORNAR A MINHA VIDA ALGO BOM): Esse tópico é destinado a empatia e saber lidar com o próximo.

- DESEJOS DE SIMPLICIDADE
(SOU FILHA DE UM TEMPO SIMPLES): Esse tópico é destinado a enxergar a felicidade nas coisas simples.

"Feliz é quem entende que tudo passa. Quem sabe que bênçãos e adversidades se intercalam na vida de todos, mas não são elas que determinam se somos ou não realmente felizes . Feliz é quem não deposita seu bem- estar permanente naquilo que é perecível, nem recusa a alegria duradoura em nome de um prazer momentâneo. Quem compreende que a vida é muito frágil, e por isso não adia o encontro com aqueles que ama, nem chega tarde demais aos encontros que nunca mais se repetirão.
(...) As vidas que tocamos, as oportunidades que aproveitamos, as escolhas que fizemos, a gratidão que temos, a compaixão que desenvolvemos, o amor que ofertamos , o perdão que não recusamos.. e enfim, a felicidade que tanto buscamos é na simplicidade de ser e ter encontramos".
Esse texto me tocou pois é exatamente o que eu penso sobre a felicidade, que é a definição de SER e não TER. E muitas pessoas levam uma vida inteira para descobrir ou, às vezes, nem descobrem. Nesse quarentena, acredito que muitos olhos se abriram, as pessoas descobriram que não vale nada ter bens materias incríveis, se não tiverem com quem compartilhar. As coisas mais simples, são as mais importantes, quantos de nós estão esperando essa quarentena acabar para dar um abraço em que amamos? Eu espero que após tudo isso a humanidade enxergue a vida como ela realmente é.


Vamos parar de sempre correr atrás de algo que não é palpável e abrir o coração para sentir e agradecer. Ser feliz é fácil se você souber valorizar e agradecer pelo que realmente importa!

Com textos curtos e uma escrita fluida, Fabíola aqueceu meu coração com esse livro. Se você está ansiando por conforto, essa obra é a resposta certa para aquietar seu coração. Leitura super recomendada!

Após finalizar a leitura, visitei o blog da Fabiola https://www.asomadetodosafetos.com, é um encanto. Vão conferir!

Sobre a edição: PERFEITA! A cor da capa, a diagramação, tudo maravilhoso!



Título: Deixei meu coração em modo avião (exemplar cedido pela editora)
Autora: Fabíola Simões
Editora: Faro Editorial
Páginas: 272
Ano: 2020
Compre: aqui

Comentários via Facebook

11 Revelaram sentimentos:

  1. CRISTINA!
    Sempre tive a felicidade e a gratidão como objetivos de vida, mesmo antes dessa pandemia, sempre procurei valorizar as pequenas coisas que dão prazer, mínimos atos de gratidão...e agora, ainda mais.
    Acredito que o livro seja um despertar para quem ainda acredita que ter vale mais do que ser.
    Quero ler.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      A vida fica até mais leve quando temos gratidão no coração né?
      Sim, o livro é um despertar para todos nós.
      Boa leitura!!!

      Beijos

      Excluir
  2. Que resenha mais linda!!!
    Esse livro tem despertado tantas sensações em quem o lê que fica complicado não o desejar. Pelo que pude entender, não é um livro que deva ser lido de uma vez só. Mas sim, como pequenas gotas diárias.
    Eu não nasci para ser feliz...tá, ando numa fase meio depressiva(a médica trocou os remédios e a adaptação tá complicada) mas tenho fé...
    A capa é lindíssima e pelo que vi acima, a diagramação também. Aliás, as edições da Faro trazem sempre isso, o conforto para os olhos!
    Espero ter e ler em breve!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Muito obrigada pelo carinho!
      É uma leitura bem reflexiva, acho que te faria bem.
      Torcendo para tu melhorar, eu sei como é essa sensação e hoje consigo enxergar a vida com mais leveza.
      Essa edição tá maravilhosa mesmo.

      Beijos

      Excluir
  3. Oi!
    Só de ler sua resenha sobre o livro, meu coração ficou quentinho.
    Adorei a analogia que autora fez com os termos ligados a tecnologia. A diagramação tá coisa mais linda também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Que legal que você gostou, é uma leitura bem reflexiva.
      Eu amei essa junção também, a autora foi muito criativa!

      Excluir
  4. ingriD Figueiredo22/05/2020 01:49

    Mais um ótimo livro de Fabíola Simões. Que consegue romantizar as suas histórias cotidianas.

    Os pequenos enredos e situações nos fazem colocar-nos no seu lugar. A interligação dos textos como nosso mundo tecnológico e correria, nos faz perceber que o que mais importa em nossas vidas são as ligações e compartilhamento com quem amamos, e que sempre podemos mais, pensar e vibrar de forma positiva, mesmo que o mundo nos teste de diversas formas diferentes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      É exatamente isso, você já leu?
      Eu adorei a leitura!

      Excluir
  5. Olá! Com certeza é um ótimo livro para ser lido nessa quarentena, lida com temas tão importantes, mas também muito difíceis de serem trabalhados, e olha que muitos deles dependem apenas de nós mesmos, mas esse processo de autoconhecimento, empatia e enxergar o copo sempre meio cheio é um caminho árduo hein.

    ResponderExcluir
  6. quando vi a capa desse livro pensava que era daqueles romances no mesmo estilo da Sophie Kinsela
    não imaginava que contem tantas coisas boas ,que nos ensina a desacelerar ,a ver as coisas belas da vida de sermos gratos e ter empatia para com o proximo e ver que a felicidade está nas coisas simples da vida
    dica anotada

    ResponderExcluir
  7. Não sou muito de ler livros desse gênero ou até mesmo crônicas, mas achei a proposta bem interessante.
    Adorei essa junção que a autora fez dos termos tecnológicos com coisas cotidianas, passando desde o apreço as coisas simples até ao autoconhecimento.

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Editoras parceiras

Instagram

© Revelando Sentimentos | Resenhas de livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in