Resenha: Cerberus

Por Caroline Ribeiro •
10 julho 2020
"Nós somos os que mais se aproximaram da perfeição humana - revelou o velho. - Enxergamos o mundo como ele realmente é, não nos escondemos atrás de máscaras e não nos protegemos com véus ilusórios."
É complicado resumir em uma resenha todos os acontecimentos e emoções que percorrem as quase 360 páginas de Cerberus, mas prometo fazer o meu melhor. Bom, a história se passa em 2021 e é um tanto quanto apocalíptica. Após uma bomba explodir na Europa, rasgando o tecido que separa o real do sobrenatural, o mundo se vê “desabando” e rodeado por seres dignos de pesadelos. É aí que a Cerberus se faz necessária e entra em ação.

Fantasia, ficção científica, religião, lendas e organizações secretas são apenas uma amostra do que rola nessas páginas.

História riquíssima em detalhes, mas não de forma maçante. E também nenhuma parte corrida, a balança ficou bem retinha indicando a perfeição da narrativa. Temos momentos de euforia em cenas enlouquecedoras e decisivas, assim como momentos de calmaria do tipo “senta aqui, absorva essa informação importante pra história”.

É notável que o autor realizou uma baita pesquisa em diversas áreas para a escrita do livro, justamente pela questão de abranger uma infinidade de temáticas. E o melhor: tudo muito bem amarrado. Não ficamos com aquela impressão de que os elementos estão brotando na história.


Personagens afiados e inteligentes que estavam sempre brigando e defendendo uns aos outros, criavam boas táticas para suas “missões” e não tinham medo de se sacrificar pelo companheiro. Também temos a presença de um vilão dos bons, super convencido e um passo à frente dos mocinhos (será?) que te faz passar raiva durante o livro inteiro. Ainda valendo a pena ressaltar que a personagem mais forte fisicamente era a Elise, sim, uma menina, poder feminino foi muito bem representado por ela.

Sabe aqueles personagens que a gente se apaixona pela essência? Então, esse foi o meu caso com o personagem Chaski. A participação dela na história é linda e de suma importância, sem falar nas mensagens que ele nos traz. Queria muito conhecer e bater um papo com ele no topo da Huascarán.

Outro ponto positivo do livro foram as cenas de lutas, é memorável como sempre tinha alguém apanhando ou perdendo um membro nesse livro. Mas nada superficial, não, digamos que eram lutas com classe... E o mais interessante era que, enquanto determinadas lutas incríveis ocorriam, o foco não ficava só nelas, de alguma forma o autor conseguiu inserir diálogos e outros acontecimentos nas mesmas cenas das lutas e isso deu muito certo.

Ainda sobre a narrativa, temos a alternância dela entre os personagens, inclusive entre os vilões, o que aumentava o desespero, porque em determinados momentos os mocinhos estavam muito lascados e (na nossa visão de leitor) não tinham como escapar.


E eu não poderia deixar de citar a edição impecável. Diagramação e revisão ótimas, ilustrações belíssimas e capa sem defeitos. Me surpreendi quando notei que o livro foi lançado de forma independente. O autor teve muito capricho em cuidar de todos os detalhes, pois nós sabemos muito bem o quão chato é pegar uma história com potencial, mas sem revisão, etc. 

E para fechar com chave de outro temos um final avassalador! O segundo volume de Cerberus já está no forno e logo, logo será lançado para nos agraciar com muitas respostas das perguntas deixadas no fim desse primeiro volume. Um autor passarinho meu deu algumas dicas do que está por vir e só posso dizer que a coisa vai ficar feia (e muito boa)! Pacto com quem que preciso fazer para começar a ler a continuação ainda hoje?
"Mas, como tudo no mundo, sua vida também esta sujeita às regras do universo. Uma vez que se atinge o topo, para onde quer que se vá, há uma queda."
Ai, ai, chegou até a me faltar elogios aqui, mas pra finalizar deixo explicitamente RECOMENDADO e fico na esperança que vocês deem uma chance para Cerberus.

O eBook está disponível no Kindle Unlimited e o físico em venda direto com o autor. 


Título: Cerberus: A Ascensão da Trindade 
Autor: Jefferson Lessa 
Editora: Independente
Páginas: 356
Ano: 2019
Compre: aqui

Comentários via Facebook

15 Revelaram sentimentos:

  1. Que interessante Caroline!
    Não leio muita fantasia mas essa tem uma premissa bem diferente, que instiga e prende a atenção do leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, de fato a premissa nos deixa bem curiosos ❤

      Excluir
  2. Caroline!
    Me parece uma ficção muito bem escrita e baseada em pesquisas o que torna a leitura bem crível.
    Gosto quando há vários pontos de vista porque temos uma visão mais ampla do enredo e dos sentimentos das personagens.
    Deve mesmo ser uma boa leitura.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      É exatamente esse o caso quanto às pesquisas! Também gosto muito quando temos essa troca de pontos de vista ❤.

      Excluir
  3. Uau, que resenha!
    Eu admito que ainda não conhecia o livro,mas oh, que bagunça gostosa! A parte da ficção não é assim, tão entendida por mim(cérebro de minhoca),mas eu gostei demais dessa possibilidade de unir vários gêneros e parece aquele tipo de enredo que começa eletrizante e vai assim até o fim!
    A capa é de uma beleza e com certeza, já vai pra lista dos desejados!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Fico muito feliz que você tenha se interessado e espero que tenha a oportunidade de ler ❤. É um livro e tanto!

      Excluir
  4. Gostei bastante! Pela sua resenha parece ser uma história muito completa. Adorei saber sobre as pesquisas do autor nos temas abordados durante a narrativa, o trabalho final deve ter ficado maravilhoso. Os personagens bem construídos também é um ponto muitíssimo positivo, assim como as cenas de lutas. Recomendação mais que anotada, e muito feliz de estar disponível no Kindle Unlimited!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, se tornou um favorito pra vida ❤. Espero que você tenha a oportunidade de ler!

      Excluir
  5. ola
    não conhecia o autor e pela sua resenha parece ser um livro onde o autor mistura varios elementos ,que bom que o autor fez uma perquisa minusiosa para escrever o livro ,isso deve fazer toda a diferença .
    não é um genero que eu leio mas presumo que para os fãs deve ser uma leitura maravilhosa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, um mix de elementos maravilhosos. Uma pena! Mas para os fãs é um prato cheio ❤

      Excluir
  6. Olá! Muito bom quando uma história é tão redondinha, eu nem sou muito fã assim do gênero, mas fiquei bem curiosa para conhecer, tanto o enredo quanto a escrita do autor, ainda mais sabendo que essa edição está tão linda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Que bom saber disso! Espero que você realmente dê uma chance ❤

      Excluir
  7. Eu leria o livro só por essa premissa. Gosto de livros de fantasia então pra mim é um prato cheio

    ResponderExcluir
  8. Oi, Caroline
    Não conhecia o livro, pela sua resenha percebo que é uma aventura e tanto essa leitura.
    Fico feliz que o autor construiu uma personagem feminina forte, que nos representa muito bem.
    Assim que tiver oportunidade lerei, beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Caroline
    Uaaau, que mistura de gêneros e acontecimentos!
    Adorei essa ideia da bomba explodir e rasgar esse véu!
    Já quero!
    Bjs

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos | Resenhas de livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in