Resenha: Não existe amanhã

Por Fabio Pedreira •
06 agosto 2021

Quando vi que “Não existe amanhã” iria ser lançado, fiquei na dúvida se solicitava ou não. O motivo foi o primeiro livro, que não era ruim, mas teve um fim abrupto, como se o livro tivesse sido cortado no meio. Alguns talvez possam lembrar disso, já que tem a resenha por aqui, se não, recomendo que leiam.

Apesar da dúvida, resolvi arriscar, afinal, apesar do modo que terminou, eu conhecia a série de TV e também, pelo que li do primeiro, me pareceu que o livro poderia melhorar. Felizmente eu acertei e “Não existe amanhã” veio com uma qualidade muito superior ao primeiro.

Aqui iremos dar continuidade a caça de Eve por Villanelle, além da descoberta da organização dos “Doze”, uma organização secreta que busca conservar seus próprios interesses mundiais. Já do outro lado, Villanelle continua sua matança, porém, cada vez mais entediada pelos seus trabalhos fáceis e procurando alvos mais difíceis para poder ter um pouco de emoção, mesmo sabendo que o que lhe dá prazer mesmo é seu jogo de gato e rato com Eve.

A grande diferença desse para o primeiro volume é sua dinâmica. O livro é muito mais fluído e com muito mais ação, sem perder tempo com introduções, deixando toda a leitura bem rápida. É como se estivéssemos no clímax do primeiro livro. O foco é totalmente nas duas mulheres e se no primeiro alguém poderia sentir falta de um pouco mais de desenvolvimento da Villanelle, dessa vez não vai ter o do que reclamar.


Todas as duas são trabalhadas de forma perfeita aqui, em um equilíbrio muito bom. O lado da espionagem da Eve e seu jeito desleixado de espião estagiário e também o lado assassino de Villanelle, com algumas missões e sua “mudança” de personalidade ao se ver cada vez mais atraída pela Eve. A química entre as duas é muito boa, estando separadas ou cara a cara, são opostas, mas ao mesmo tempo parecidas. Isso facilita mais ainda a leitura e com certeza vai facilitar para o último volume da trilogia.

Afinal, no fim do livro, temos um plot twist bem interessante, que promete uma interação ainda maior entre as duas. Dessa vez a obra termina de uma forma bem redondinha, sem o corte abrupto anterior e empolga para o que vem a seguir.

No fim, “Não existe amanhã” é superior, empolga e anima, na minha opinião até passou a ser melhor que a série de TV. Vale a pena encarar o primeiro volume e partir direto para esse, assim, vocês ficarão com a impressão de que estão lendo o mesmo livro ainda. Se quiserem, podem até comprar os dois e esperar o terceiro, para assim ler de vez.

Recomendo a leitura, e a paciência pelo primeiro volume, porque depois a recompensa vem. Então até a próxima e boa leitura.

Título: Não existe amanhã (exemplar cedido pela editora)
Autora: Killing Eve
Editora: Suma
Páginas: 240
Ano: 2021 (ano original 2018)
Compre: aqui

Comentários via Facebook

17 Revelaram sentimentos:

  1. Eu sou maluca para ler esses livros, já que a série na tv é uma das minhas favoritas na vida, sim, mesmo sabendo das diferenças enormes entre ela e os livros!
    Mesmo assim, ainda quero muito ver essas duas se pegando, no bom sentido, nos livros rs
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Angela

      kkkkkkkk Só tenha paciência com o primeiro volume, porque chegar nesse segundo compensa.
      Bjs

      Excluir
  2. Esse segundo livro, me parece, me parece que é mais dinâmico, com mais enredo.
    Já li que Eve neste livro se perdeu um pouco, ficando um tanto quanto obsessiva, e até mesmo chata... já Villaneve continua ótima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Chelle

      Siim, é bem isso. O primeiro era bem introdutório, esse a coisa já é mais rápida. Olha, eu não achei assim da Eve não viu kkkk mas na série isso acontece. Ela fica sim mais obsessiva de certa forma, mas não acho que tenha se perdido kkkk. E sim, Villanelle é Villanelle kkkk

      Excluir
  3. Eu acho que a galera desanimou com o primeiro livro e nem vi muita resenha desse segundo. A sua é a primeira, e curti, deu vontade de ler. Dizem que a serie de tv só a primeira temporada é boa neh, engraçado isso.
    Acho essas capas muito lindas, compraria pela capa certeza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ariela

      O primeiro não é nem que seja ruim, é que parece que cortaram o livro depois da introdução kkkkkkk. Sim, a seérie é boa na primeira, pessima na segunda, mas volta a melhorar na terceira. As capas são lindas mesmo.

      Excluir
  4. Fábio!
    Impactante ver o livro começando já com muita ação e com o enredo ganhando vida e se tornando muito dinâmico.
    Parece uma série boa de ser seguida e lida.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rudy

      Se sobreviver ao primeiro livro, vale a lida do segundo kkkkk
      Bjs

      Excluir
  5. Que capa interessante, fiquei alguns segundos olhando ela e tentando entender seus detalhes. Eu não lembrava do primeiro livro e até pensei que me lembrava outra capa kkk que bom que você colocou as duas juntas e eu pude relembrar.
    Que bom que depois de um final não tão bom, veio um livro sensacional ne? Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bruna

      Siim, as capas dessa series são muito bonitas. Sim, felizmente a coisa melhorou bastante kkkkk Obrigado =*

      Excluir
  6. Olá Fábio
    Que bom que você arriscou e soliticou o segundo livro.
    Não conheço a série. Quem sabe futuramente eu consiga ler os livros visto que no momento estou com tantas leituras em atraso .
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Eliane

      Sim, valeu arriscar. Tomara que consiga, de preferência ler os dois de vez.
      Sei como é isso das leituras atrasadas kkkk.
      Bjs

      Excluir
  7. Puxa, estou por fora dessa série, não conhecia e muito menos a serie da TV. Como sou viciada em série, já vou procurar para assisti. Vou deixar o livro para depois.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ana

      Vale a pena conferir os dois. A segunda temporada da serie na minha opinião é ruim, mas o primeiro livro também é, então tá tudo equilibrado kkkkk

      Excluir
  8. Oi, Fábio
    Adorei a capa!
    Depois de ler sua resenha fiquei bem animada para ler a trilogia. Espero que o próximo livro seja bom também.
    Nesse enredo tem mais ação, aventura e pelo jeito envolve o leitor do início ao fim.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luana

      Sim, as capas são lindas. Também espero, que não fique bom só nesse para voltar a piorar depois kkkk. Sim, esse fica bem envolvente, felizmente.
      Bjs

      Excluir
  9. Olá! Olhaaa, já deu para perceber que esse livro foge bastante a regra, já que normalmente o segundo livro é aquele que não acrescenta muito e normalmente decepciona, então que bom que os deuses das continuações resolveram intervir por aqui (risos). Pelo visto todo aquele sofrimento enfim foi recompensado e como uma ansiosa que sou, prevejo que o melhor para mim, é ter os 3 livros em mãos, para enfim começar a leitura.

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in