Resenha: O homem que escutava as abelhas

Por Giovanna Prates •
04 agosto 2021

Nuri é apicultor. Sua esposa, Afra, uma artista. Eles vivem uma vida simples, rica em família e amigos, na bela cidade síria de Aleppo - até que o impensável acontece. Quando tudo o que lhes interessa é destruído pela guerra, eles são forçados a escapar. Mas o que Afra viu é tão terrível que ela ficou cega, e por isso eles devem embarcar em uma jornada perigosa pela Turquia e Grécia em direção a um futuro incerto na Grã-Bretanha. No caminho, Nuri é sustentado pelo conhecimento de que esperando por eles está Mustafa, seu primo e parceiro de negócios, que abriu um apiário e está ensinando outros refugiados em Yorkshire a criar abelhas.
"A alma de Afra era tão vasta quanto os campos, o deserto, o céu, o mar e o rio que ela pintava, e igualmente misteriosa. Sempre havia mais para saber, entender, e por mais que eu soubesse, não era o suficiente, eu queria mais."
Essa leitura foi uma grande jornada. Não apenas em termos geográficos, mas em relação as emoções cruas dos envolvidos. O assunto da imigração é aquele sobre o qual todos têm uma opinião, e O homem que escutava as abelhas leva o leitor para trás das manchetes, dando uma visão panorâmica de todos os perigos e obstáculos envolvidos. É um romance horrível, mas lindo de tão incrivelmente relevante.


Eu amei a escrita! Amei a forma como ela liga perfeitamente o passado ao presente através de flashbacks e através dos sonhos e pesadelos de Nuri, conectando um capítulo a outro por palavras (a última palavra de cada capítulo se torna o título do próximo capítulo e essa palavra começa a primeira frase desse capítulo). Eu achei isso muito genial e comovente. Não é um livro muito longo, mas também não é uma leitura rápida. É incrivelmente triste, e alguns capítulos te lembram as notícias horríveis, que muitas vezes foram destaque no jornal. Este é um retrato impressionante, profundamente emocional e instigante.
"Se eu pudesse lhe dar uma chave que abrisse uma porta para outro mundo, desejaria que ela voltasse a ver. Mas teria que ser um mundo muito diferente deste aqui. Um lugar onde o Sol acaba de nascer, tocando os muros que circundam a cidade antiga, e fora desses muros, os bairros que parecem alvéolos, as casa, apartamentos, hotéis e vielas estreitas, uma feira livre onde mil colares pendurados brilham à primeira luz, e mais longe, pelas terras do deserto, ouro sobre ouro, vermelho sobre vermelho."
Uma leitura extremamente assombrosa, comovente e instigante - até mesmo a simples descrição do amor e atenção que Nuri dedicou a suas amadas abelhas é comovente o suficiente para partir seu coração. Prepare-se para essa leitura, você não irá se arrepender.


Titulo: O homem que escutava as abelhas (exemplar cedido pela editora)
Autora: Christy Lefteri
Editora: Vestígio
Páginas: 352
Ano: 2021
Compre: aqui

Comentários via Facebook

12 Revelaram sentimentos:

  1. Caramba, eu imaginava outra coisa quando vi o título. Adoro quando a resenha me surpreende! E claro, livros que nos emocionam, que nos fazem sentir o que os personagens vivem é ainda mais encantador ne?
    Já li alguns de imigração e sempre me questiono de diversas formas. Achei uma dica sensacional!

    ResponderExcluir
  2. O tipo de livro que precisa ser lido com calma, cada capítulo precisa ser absorvido e compreendido.
    E que nos faz sair da nossa bolha e refletir muito.

    ResponderExcluir
  3. Já estou de olho neste livro desde quando vi o título pela primeira vez e achei até engraçado, aí fui pesquisar sobre o que era.
    E com uma resenha assim, fica complicado demais não desejar o livro para ontem!
    Não somente pelo recomeçar de Nuri,mas o lidar com tudo que aconteceu e ter a determinação disso, do ir em frente!
    Com certeza, quero muito ler!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  4. "comovente o suficiente para partir seu coração" tipo de coisa pra se dizer e fazer eu querer ler o livro.
    Fiiquei curiosa em ler, com a resenha que voce nos apresentou e adorei a foto que vc postou uma parte de dentro do livro, pra ver como a diagramaço é também.
    Quero ler agora!!!!

    ResponderExcluir
  5. O livro deve ser muito comovente. Se já é difícil assistir notícias sobre o tema imagina ler um livro e se envolver com os pensamentos e dores dos personagens, que está passando por tudo aquilo.
    Espero tem a oportunidade de ler esse livro pois gostei bastante.

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Quando vemos no noticiário da TV toda essa questão dos imigrantes não fazemos nem ideia do quanto essas pessoas sofrem tendo que deixar tudo para traz e recomeçar em um país diferente .E é aí que leituras assim sáo essenciais para entendermos um pouco de todo os obstáculos e dificuldades pelo qual os imigrantes tem que passar .
    Desejo ler sim .
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Descobri este site essa semana e já estou adorando os conteúdos, são ótimos!

    Parabéns! 👏

    Meu Blog: Significados dos Sonhos

    ResponderExcluir
  8. Giovanna!
    Quando temos um grande amor ou uma grande paixão que nos motiva, e, por alguma razão algo não dá tão certo, é tão frustrante que traz uma tristeza profunda.
    Deve ser interessante.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  9. Sinceramente esse não seria um livro que eu leria de primeira, somente depois de muito convencimento. Mas é interessante a questão da imigração, e tão pouco discutido nas histórias, vou pesquisar um pouco mais esse livro que vale a pena.

    ResponderExcluir
  10. Quando você é literalmente enganado pelo título.
    Quando afirma-se que é comovente o suficiente para partir corações, fico me perguntando o que estou esperando para ler logo e ter o coração partido rs

    ResponderExcluir
  11. Oi, Giovanna
    Que capa maravilhosa, linda!
    É uma leitura que emociona muito o leitor, que mostra a realidade de muitas pessoas. E como o ser humano é capaz de recomeçar depois de passar pelos traumas em seu país de origem.
    Vai para a lista de desejos, beijos.

    ResponderExcluir
  12. Olá! Aquele tipo de leitura para lá de agridoce, que é capaz de te deixar em lágrimas, mas também sorrindo. Fiquei encantada com a resenha e a maneira única que a história nos toca.

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in