Os sabores e sensações das diversas lágrimas


Melífluas
Foram as lágrimas
Que rolaram por quem me fez feliz
Num oceano de aprendiz.

Insípidas
Foram as lágrimas
Que não deu para evitar cair
Por coisas que não tinham como prosseguir.

Acerbosa
Foram as lágrimas
Que insisti para que se transformassem em sorriso
E, na verdade, elas me eram um aviso.

Guerreira
Foram as lágrimas
Que tentei evitá-las, mas viviam se petrificando
Quando via, as crianças, de fome morrendo.

Tristeza
Foram as lágrimas
Que caíam a cada decepção das pessoas
Num mundo que não tem mais humana destreza.

Alegria
Foram as lágrimas
Que deixei que caíssem quando vi uns salvando os outros
Com uma eterna magia.

Remorso
Foram as lágrimas
Que não evitei que caíssem
E em meu dorso se comprimissem.

Ácida
Foram as lágrimas
Que rolaram no passado e queimaram minha pele,
Rasgaram os tecidos do meu coração e a lembrança ainda me compele.

Nulas
Foram todas as lágrimas
Que caíram por quem não fez por merecer,
Eu deixei gota a gota se desprover.

Pauta para Bloínquês.
Tema: O gosto de uma lágrima

11 Revelaram sentimentos:

  1. Vota no meu blog nesse concurso por favor.

    http://blogcantinhodameninacrista.blogspot.com/

    Vote no blog Christian Girl,por favor.

    http://dezapaixao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Uma imagem forte para um poema de tal profundidade.

    Charlie.

    ResponderExcluir
  3. Verdadeiras são essas lágrimas.

    Lindo texto, parabéns.

    Um bom feriado.

    ResponderExcluir
  4. oii
    tava vendo outros Blogs e encontrei o seu
    gostei muito daqui
    o conteúdo é ótimo
    estou te seguindo
    me visita e segue se gostar?!

    http://rgqueen.blogspot.com/

    beijos

    ResponderExcluir
  5. lindo ><
    O gosto de uma lágrima na verdade é totalmente relativo. Depende do motivo, da hora, da situação... Pode ser amarga ou doce, feliz ou triste. Mas uma coisa é certa. A lágrima é a exteriorização daquilo que se passa por dentro de cada um. É como um alarme que entrega o que sentimos, rs.

    ResponderExcluir
  6. Nossa, que ótimo texto! Fala de tanta coisa...
    Mana, já faz um tempinho que a gente não se corresponde, né? Senti sua falta e vim aqui.
    Até mais ;*

    ResponderExcluir
  7. Nossa que perfeito *-*
    lindo de mais, adorei teu blog, estou seguindo, venha fazer uma visita:
    http://fazdecontatxt.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Lindo texto. Lágrimas variam, o motivo, o modo... tudo varia de acordo com o que está acontecendo. Você soube retratar isso muito bem. Amei seu blog, estou seguindo. Beijos :*
    Fernanda Zucolotto.
    http://www.meianoiteequinze.tk

    ResponderExcluir
  9. Sempre escrevendo lindamente...
    Adorei!!!

    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  10. As lágrimas...purificam sempre!
    Beijo doce.
    Graça

    ResponderExcluir
  11. As lágrimas deveriam ter gosto diferente para cada motivo.

    Gostei do poema. Preciso "desbravar" o blog com cuidado.


    cheiro

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.