Resenha: Torneio de Sangue


Olá galera =D. Cá estamos nós com mais uma resenha, dessa vez trouxe mais um livro de parceria, este com o autor Enthony Cichocki.

Torneio de Sangue é apenas o livro 1 das Crônicas da saga Devoradores do Sol. Nela temos a seguinte sinopse... “A Ordem dos Nove-Raios é a forma mais segura que a Igreja encontrou para resgatar artefatos de eras passadas. Na Época em que os vampiros ainda reinavam sobre o mundo, o clero teve que tomar uma decisão, originar uma guerra. Setecentos anos após a extinção dos devoradores de sangue, cabe hoje aos membros da Ordem reaver antigas tumbas, preciosos tesouros e açonegro, uma ancestral forma de se forjar uma lâmina. Agora, Alec, um iniciado dos Nove-Raios, está ávido para sua primeira missão, explorar as ruinas de um antigo castelo. Para isso no entanto, o novato contará com a ajuda de nove Irmãos, que unidos formam uma companhia. Nos escombros da fortaleza serão revelados a Alec segredos tão antigos quanto a própria igreja, e o rapaz descobrirá a verdadeira razão pela qual o clero deseja encobrir tamanho perigo.”

Pois é justamente pelo ponto de vista de Alec que começamos a história, e com seu ritual para se tornar um dos Nove-Raios. Porém, não é apenas o ponto de vista dele que é contado, tendo também capítulos dedicados a Dallen, um albino que logo descobrimos tratar-se de um vampiro (isso não é spoiler). Dallen trabalha como matador de “Cornos, putas e bastardos” e logo chega em uma vila que está tendo um torneio.

Devido a cor da sua pele é meio difícil passar sem chamar atenção dos moradores locais, e com o torneio acontecendo outras pessoas de lugares diferentes também se encontram por ali, inclusive um dos Irmãos e isso pode e vai acabar em confusão. O interessante é que esse mesmo Irmão está nos capítulos relacionados a Alec. E ao chegar ao fim do livro passamos não só a entender tudo de uma forma clara, como também ficamos com a cara assim  =O.

O final desse livro deixa você querendo mais. Ele é pequeno, contendo 133 páginas, passa voando, porque a leitura é rápida e boa de ler. E quando você acha que a coisa vai andar de vez ela dá uma reviravolta e acaba e você fica tipo, oi? Acabou? Não, eu quero mais seu autor, por favor. Isso de curioso para saber o que acontece. O próprio autor sabe disse, tanto que ele coloca uma nota no fim, falando sobre a curiosidade e que é apenas o primeiro de vários livros, onde os próximos são maiores, então por favor, apresse esse lado aí kkkk.

Os personagens são ótimos, cada um com suas personalidades diferentes, sendo Dallen e Dalia (uma garotinha que tem no livro) os meus favoritos, temos também Roynard um dos nove irmãos que tem papel importante na trama, mas ele não é nada gente boa, vou avisando. Allec por outro lado é meio apagado, mas como eu considero esse livro mais introdutório possa ser que ele acabe crescendo mais na trama, principalmente pelo modo que ela terminou.

Como eu disse antes, a historia é mais introdutória, porém, tem seu nível certo de ação e de desenvolvimento de personagem. É fácil perceber o jeito de cada um, e o que podem aprontar. Fiquei curioso para saber mais sobre o passado de Dallen, é algo interessante de ser desenvolvido nas próximas obras. Inclusive a relação entre Dallen e Dalia também é algo muito interessante de se imaginar caso os próximos livros tenham algum pulo temporal.

Bom, em resumo é isso, espero ter deixado vocês curiosos para ler esse livro, pois eu recomendo sim para quem quiser ler e para quem não quiser também. Dou 4 estrelas para ele. E fica o aviso... Se mandarem você não bisbilhotar uma coisa não cedam a curiosidade, pode salvar sua vida. (Já sabem, leiam para entender a referência).


Titulo: Torneio de Sangue (exemplar cedido pelo autor)
Autor: Enthony Cichoki
Editora: Livro Independente
Páginas: 133
Ano: 2017

18 Revelaram sentimentos:

  1. Muito boa a resenha e bem curioso com a história do livro. É a capa é maravilhosa! Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Fábio!
    Dá nos nervos quando um primeiro livro de uma série, mesmo que seja mais para a apresentação do enredo e das personagens, é bom e ficamos desejando a continuação, né? Tomara que não demore muito, porque a premissa é mesmo inteligente e se bem escrita como falou, deve ser um bom livro.
    “A poesia contém quase tudo que você precisa saber da vida.” (Josephine Hart)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade. Só para deixar a gente curioso kkkkkk. Maldade.

      Excluir
  3. Não conhecia essa série, Fábio. Mas pela sua resenha, fiquei bastante curiosa. ;)
    Ainda mais pela temática.

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pathy.

      Pois, vale a pena viu. É um bom livro, mesmo sendo curto. Leia mesmo.

      Beijos

      Excluir
  4. Olá,

    Não conhecia o livro, mas o enredo parece ser bem interessante.
    Adorei a dica!
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jessica.

      Pois, é sim. Se puder dê uma chance =D.

      Bjs

      Excluir
  5. Eu gosto muito de fantasias. O que me chamou atenção nesse livro foi a quantidade de páginas, geralmente esses livros são bem maiores.
    Tanto a escrita como a história parecem ser interessantes. Vou esperar os outros livros serem lançados para dar um chance.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maíra.

      Verdade, esse é um livro mais introdutório por isso menor. Os próximos provavelmente serão maiores.

      Excluir
  6. Parece um livro interessante. É tão bom quando o livro termina e a gente quer ler mais.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Adriana.

      Verdade. E esse foi o que bem aconteceu comigo, fiquei bastante curioso.

      Bjs

      Excluir
  7. Oi, Fábio!!
    Nossa adorei conhecer esse livro, pois essa é a primeira resenha que leio sobre esse livro. E dá uma agonia quando começo uma série e não sei quando vão lançar a continuação!! Mas sem dúvida fiquei bem interessada nessa estória!!
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marta.

      kkkk Verdade, isso de você ficar sem saber se vai ter continuação ou não é complicado. Que bom que gostou, dê uma chance a ele =D.

      Bjs

      Excluir
  8. Fiquei curiosa em saber mais da historia, adoro vampiros e fiquei me perguntando como ainda existe um que mistério e tem ação que gosto muito. Pena ter que esperar o próximo volume para saber mais rs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria.

      Você que gosta de livros de fantasia recomendo de mais esse livro viu. Acredito que vá gostar.

      Excluir
  9. Olá, Fábio!

    Esse é um inicio de serie bem diferente, já que normalmente esperamos centenas de páginas para o livro inicial. E mesmo com 133 páginas, já conseguiu apresentar personagens, criar uma boa trama e ainda deixar o leitor doido pelo segundo livro! Isso é um feito e tanto! Já notei que o titulo do livro se refere a trama com Dallen, mas deve ser instigante ver como esse membro dos nove ligado ao torneio foi entrar na vida do Alec e se o Dallenee o Alec irão se encontrar (e em quais circunstâncias)!

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Leti.

      Verdade, em 133 paginas o autor já consegue deixar o leitor muito curioso pelo que vem por ai. Espero que todos os livros sigam esse ritmo ou no mínimo algo próximo disso.

      Excluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.