12 janeiro 2019

Para quem não gosta de [Mocinhas]


Para quem não gosta de... é uma coluna inspirada na postagem da Editora Intrínseca chamada “Se você gosta de (...) vai gostar de (...)”. A ideia da editora é de recomendar livros no mesmo estilo de determinada obra que você leu e gostou. Pensando nisso, resolvemos fazer o Para quem não gosta de... para quem não curte um gênero e, mesmo assim, poderá gostar de determinado livro. Afinal, mesmo que você não goste, é possível encontrar aquela história-chave que o fará mudar de opinião.
Vamos tentar?
O tema de hoje é Girl Power. Muitos romances trazem personagens que são mocinhas inocentes, bobinhas e que não se impõem. Em virtude disso, reuni três livros em que as personagens não são flores que se cheiram e não abaixam a bola para homem nenhum.


3 - Quando a bela domou a fera

Sinopse: Eleito um dos dez melhores romances de 2011 pelo Library Journal, "Quando a Bela domou a Fera" é uma releitura de um dos contos de fadas mais adorados de todos os tempos.Piers Yelverton, o conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales, onde seu temperamento irascível acaba ferindo todos os que cruzam seu caminho. Além disso, segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna o deixou imune aos encantos de qualquer mulher.

Mas Linnet não é qualquer mulher. É uma das moças mais adoráveis que já circularam pelos salões de Londres. Seu charme e sua inteligência já fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Após ver seu nome envolvido em um escândalo da realeza, ela definitivamente precisa de um marido e, ao conhecer Piers, prevê que ele se apaixonará perdidamente em apenas duas semanas.

No entanto, Linnet não faz ideia do perigo que seu coração corre. Afinal, o homem a quem ela o está entregando talvez nunca seja capaz de corresponder a seus sentimentos. Que preço ela estará disposta a pagar para domar o coração frio e selvagem do conde? E Piers, por sua vez, será capaz de abrir mão de suas convicções mais profundas pela mulher mais maravilhosa que já conheceu?

Linnet é aquela mocinha desbocada que peita Piers a todo custo e jamais abaixa a cabeça para o que ele fala. Juntos, formam o perfeito casal gato e rato e é impossível não se apaixonar por esses dois.


2 - Amor nas Highlands

Sinopse: Graeme, Visconde de Maxton e líder de um clã nas Highlands, possui mais inimigos do que amigos, incluindo seu vizinho, o temido Duque de Lattimer. Apesar disso, Graeme só pensa no bem-estar de seu povo e não procura confusão com os outros clãs. Mas quando seus estúpidos irmãos mais jovens sequestram Lady Marjorie, a irmã do duque, todos os planos de Graeme vão por água abaixo…Marjorie Forrester é, por consequência, uma inimiga de seu clã, e capturá-la deixa Graeme no meio de um impasse: se entregá-la ao chefe do clã Maxwell, a jovem pode ser morta; se a deixar ir embora, seus irmãos poderão ser condenados. E se entregá-la ao Duque de Lattimer, Graeme é quem acabará morto.

O que o highlander deve fazer, além de manter a garota por perto até pensar no próximo passo? E como conter a atração inesperada que está surgindo entre eles?

Em Amor nas Highlands, da autora best-seller do The New York Times Suzanne Enoch, você descobrirá o que o amor e a guerra têm em comum, e como a paixão pode surgir das formas mais improváveis.

Nesse livro, que inclusive fiz resenha recente aqui no blog, Marjorie mostra que não é só porque é prisioneira de Graeme que tem que ceder aos seus caprichos. Inclusive tem uma cena (que não posso citar pois é spoiler) que ela enfrenta um temido chefe e o coloca em seu devido lugar, deixando os homens de queixo caído. Eu adorei essa personagem!


1 - Orgulho e Preconceito

Sinopse: O romance retrata a relação entre Elizabeth Bennet (Lizzy) e Fitzwilliam Darcy na Inglaterra rural do século XVIII. Lizzy possui outras quatro irmãs, nenhuma delas casadas, o que Sra. Bennet, mãe de Lizzy, considera um absurdo. Quando Sr. Bingley, jovem bem sucedido, aluga uma mansão próxima da casa dos Bennet, Sra. Bennet vê nele um possível marido para uma de suas filhas. De fato, ele parece se interessar bastante por Jane, sua filha mais velha, logo no primeiro baile em que ele, as irmãs e o Sr. Darcy, seu amigo, comparecem. Enquanto Sr. Bingley é visto com bons olhos por todos, Sr. Darcy, por seu jeito frio, é mal falado. Lizzy, em particular, desgosta imensamente dele, por ele ter ferido seu orgulho na primeira vez em que se encontram. A recíproca não é verdadeira. Mesmo com uma má primeira impressão, Darcy realmente se encanta por Lizzy, sem que ela saiba do fato. A partir daí o livro mostra a evolução do relacionamento entre eles e os que os rodeiam, procurando apresentar também, desse modo, a sociedade do final do século XVIII.

Nossa famosa protagonista tem pulso firme e personalidade marcante. Lizzy não se rende ao charme de Sr. Darcy e muito menos concorda com suas atitudes. Desbocada, fala o que pensa e para sua época, era alvo de muita conversa fiada. 

Repararam que todos são romances de época, né? Nossos autores criam essas personagens duronas com muita maestria e só acho que os romances contemporâneos deveriam seguir o mesmo padrão, pois acredito que deixa a trama mais envolvente e mostra quem é que manda (hahaha).

26 comentários

  1. Adorei!!!!rs
    Como não tinha visto a coluna antes, adorei o que li acima. Ainda mais se tratando de mocinhas que não são assim, tão mocinhas.
    Hoje mesmo estava falando isso sobre um livro de época. As autoras andam revolucionando isso de mocinhas frágeis e bobinhas, que aceitavam tudo caladas.
    E que super indicações acima! Morro de vontade ler A Bela Que Domou a Fera, primeiro livro desta série da Eloísa.
    Mas só li Orgulho e Preconceito, que é maravilhoso também!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Angela!

      Fico feliz por ter gostado!
      Sim... Eu também adoro quando as autoras colocam nossas mocinhas bem fodonas! Rsrsrs
      Leia o da Eloisa! Eu tenho os 4 da série, mas só li 2, e esse primeiro é meu favorito! É perfeito!

      Orgulho e Preconceito é um clássico, ne? Indispensável a leitura.

      Beijos!

      Excluir
  2. Tenho visto muito desse: “Se você gosta de (...) vai gostar de (...)” nas livrarias.
    Gostei da sua postagem, não li nenhum desses livros ainda. E Orgulho e Preconceito é um que quero muito poder ler.
    Ainda bem que temos livros sem essas mocinhas cheias de mimimi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nil!

      Orgulho e Preconceito é um clássico! Quando puder, leia sim! É muito bom!

      Pois é... Temos muitos livros assim, selecionei apenas alguns.

      Beijos!

      Excluir
  3. Olá, Fernanda!

    Sempre admirei mulheres fortes, inclusive nos livros. Amor nas Highlands parece ser tão maravilhoso quanto os outros, e se começar a ler um desses, começaria por esse. Você parece ter gostado bastante de ele. Fico feliz!

    Abraços.

    R.W.

    newsfallenbooks.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabrielle,

      Gostei bastante sim!
      Mas desses aí, te confesso que Quando a bela domou a fera é meu favorito!

      Beijos!

      Excluir
  4. Doida pra ler esse da Bela, vou tentar fazer essa leitura o quanto antes. Adoro que os personagens são bem diferentes do que pensei. Só li esse de Orgulho e ê garota! Amo que ela fala mesmo, não se deixa rebaixar por pouco e vai muito contra o que é esperado só por ser garota. Amei quando li e é uma das minhas personagens favoritas. Vale muito a pena pra quem gosta de uma garota forte. Ser todos de romance desse tipo só me anima mais porque amo esse gênero. Ótimas dicas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris,

      Que bom que gostou! Fico muito feliz!
      Leia esse sim, vai amar! É meu favorito dos 3!
      E sim, Elizabeth é osso duro de roer e justamente por isso ela é maravilhosa, né?

      Beijos!

      Excluir
  5. Oi Fernanda, tudo bem?
    Gostei da ideia da coluna!
    Adoro a Lizzy 😍
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol!

      Que bom que gostou!
      A Lizzy é demais, ne?

      Beijos!

      Excluir
  6. Olá Nanda,
    Eu gosto de mocinhas, mas confesso que sou de fases, na maioria das vezes prefiro aquelas bem duronas, mandonas e donas de si kkkkkk
    Eu peguei emprestado o primeiro livro citado e quero muito ler, principalmente por ser uma releitura de conto de fadas. Já amei essa mocinha, apesar de não ser tão parecia com a sua inspiração, rs.
    Os outros dois quero mto ler, principalmente "Orgulho e preconceito", pelos comentários sei que essa mocinha tem a língua afiada!!
    Gostei das indicações.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vitória!
      É sempre bom mudar um pouco o estilo de leitura, ne?
      No primeiro livro, a Linnet é um amor, sabe? Mas como ela quer conquistar o Piers todo custo e ele não é fácil, ela acaba tendo que ser durona também com ele, talvez seja essa a jogada da autora.

      E você precisa ler Orgulho e Preconceito, é meio que obrigatório!

      Beijos!

      Excluir
  7. Gosto bastante da ideia da coluna! GRL PWR! Amo protagonistas mulheres sendo bem representadas por sua força, garra, determinação, personalidade forte, entre outros. Adorei todas as indicações, mas em especial Amor nas Highlands que não conhecia. Orgulho e Preconceito é um que tá na minha lista há muito tempo, principalmente depois de assistir a Orgulho e Paixão, na Globo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ycaro,
      São excelentes leituras, vale muito a pena!
      Eu particularmente não gostei da adaptação da Globo, mas que bom que te despertou esse interesse!

      Beijos!

      Excluir
  8. Oiii Fernanda

    Dos três citados só conheço Orgulho e Preconceito, mas tenho curiosidade em ler o da Maya Banks que está com uma capa incrível. Eu não gosto muito de mocinhas mimimi, acho que vou curtir ler mais protagonistas "osso duro de roer"...hehe

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ivy,
      Orgulho e Preconceito é maravilhoso!
      Quanto a esse outro que se referiu, não conheço. Nos livros que citei, não consta essa autora que mencionou.

      Um abraço!

      Excluir
  9. Oi, Fernanda
    Ainda não li nenhum dos 3 livros.
    Mas gostei da sinopse de todos, amo ler livros que tem "mocinhas" que são decididas, duronas, lutam pelos seus objetivos e nenhum homem manda nelas.
    Espero poder ler romance de época ainda não li nada do gênero.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana,
      Dê uma chance então, tenho certeza de que não vai se arrepender.
      Na maioria dos romances de época, as mocinhas são empoderadas!

      Beijos!

      Excluir
  10. Olá Fernanda.
    Adorei a lista, principalmente por conter só livros de romances de época. Até agora só li o primeiro capítulo de Orgulho e Preconceito, e adorei, preciso arrumar um tempo para ler os outros capítulos desse grande clássico da literatura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Breno,
      Dê uma chance sim!
      Confesso que o início do livro não me prendeu muito, mas com insistência fui seguindo e terminei apaixonada!

      Excluir
  11. Realmente essas personagens não são nada mocinhas, mas sim bem fortes. Os três livros são muito bons e eu gosto muito de cada um deles. Quando a bela domou a fera é um livro que sempre indico a galera.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sou alucinada por Quando a bela domou a fera! É meu favorito desses 3!
      Que bom que leu todos esses e também gostou!
      As mocinhas são demais, ne? rsrs

      Excluir
  12. Eu adorei a coluna e eu super concordo com as suas escolhas principalmente com a Elizabeth bennet de Orgulho e Preconceito que para mim é um dos meus romances favoritos e eu adoro o quanto a Elizabeth é uma personagem que consegue cativar a leitura é feminista em tempos tão remotos e consegue ser uma das personagens mais marcantes da história da literatura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol,
      Sim... Elizabeth de fato foi uma personagem muito marcante e representou muito bem o público feminino.
      Por mais leituras assim!

      Excluir
  13. Fernanda!
    Adorei as indicações e ainda não li nenhum dos livros, mas já anotei todos aqui.
    Valeu!
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy!
      Fico feliz por ter gostado!
      Leia e me conte depois!

      Beijos!

      Excluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.