Resenha: Amores Verdadeiros

Por Je Vasques •
11 maio 2020

Eu conheci Taylor Jenkins pelo livro Os sete maridos de Evelyn Hugo. Depois que li aquele livro, decidi que ia ler tudo que ela escrevesse. Amores verdadeiros me pegou desde a sinopse. Emma se casou com seu amor da escola, Jesse. Eles tinham tudo em comum. A vontade de sair da cidade pequena e conhecer o mundo era a maior semelhança e, quando casaram, decidiram realizar esse sonho juntos. 

Viajaram em todas as oportunidades, arrumaram empregos que os faria viajar. Prometeram nunca parar em lugar nenhum. Emma fugia da livraria da família, deixava a cargo da sua irmã perfeita dar continuidade para a empresa do seus pais. Mas um dia, em uma viagem que fazia a trabalho, o avião de Jesse caiu, e ele foi dado como morto. Emma então precisou aprender a viver sem o amor da sua vida e sem os planos que fizeram juntos. Anos depois ela se permite amar de novo e se apaixona por Sam. Quando ficam noivos, recebe um telefonema de Jesse: ele foi encontrado e está voltando para casa.

É possível amar duas pessoas ao mesmo tempo? O quanto a vida e as experiências nos mudam, e como isso afeta o relacionamento que estamos? Emma era muito feliz com Jesse, e jamais imaginou que algo assim pudesse acontecer. Mas assim é a vida, os planos raramente saem como queremos todas as vezes. Ela teve que se conhecer profundamente para conseguir superar o luto, e voltar para a cidade pequena que sempre detestou é uma das formas que ela encontra para melhorar. Nessa cidade, ela descobre que, na verdade, gosta da livraria da família e gosta de ler. E que o péssimo relacionamento que tinha com a irmã precisa ser resolvido. Eu amei bastante essa personagem, ela me trouxe muitos questionamentos. 


Quando Jesse volta e Emma precisa decidir com quem vai ficar, a autora nos mostra com maestria como é possível amar duas pessoas, e como é possível ser grata pelo que passaram juntos. Nos mostra como mudamos sem perceber às vezes, e que em outras a mudança é necessária. Não podemos mudar as coisas que aconteceram, só podemos lidar com elas da melhor forma possível. Emma aprende a entender os pais, a irmã. Aprende que viajar é ótimo, mas que saber valorizar os momentos que passou em casa, na sala vendo TV, é ótimo também. Aprende mais sobre seus gostos, e coisas que julgava como certa anos atrás. E tudo isso a transforma, e quando Jesse chega, ela não é mais a mesma. A única coisa que não mudou foi o amor que sentia por ele. 

Chorei demais, sou o tipo de pessoa que chora demais com livros. Marquei muitas passagens e fui tocada de muitas formas, me vendo em várias situações. Gostei do Jesse e gostei do Sam, o novo amor de Emma. E não conseguia torcer por nenhum dos dois no começo. Mas ao longo do livro entendi a proposta e as dúvidas que a autora quis trazer, e concordo totalmente com o final e com a escolha de Emma. Alguém saiu machucado, mas a vida geralmente é assim também, e novos começos estão sempre disponíveis, basta você querer tentar. 



Título: Amores Verdadeiros (edição cedida pela editora)
Autora: Taylor Jenkins Reid
Editora: Paralela
Páginas: 353
Ano: 2020
Compre: aqui

Comentários via Facebook

22 Revelaram sentimentos:

  1. Amei a resenha, fiquei curiosa pra ler :D

    https://www.submersaempalavras.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Monyque! Que bom que ficou curiosa, quando ler me conte o que achou!
      Bjs

      Excluir
  2. Estou amando ler seus posts... vou até salvar em favoritos!


    Meu Blog: resultadovalesorte.net

    ResponderExcluir
  3. Oi, Je
    Nossa que trama fascinante que faz o leitor pensar e muito sobre a vida, nossas escolhas, o que te faz bem. Emma soube o valor das coisas pequenas como família, amizade, ler, amar de novo.
    Vai para minha lista de desejos, estou bem curiosa para saber com quem Emma ficou e o impacto dessa mudança em sua vida.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Luana,

      Foi um aprendizado essa leitura. A emma se tornou outra pessoa e eu também. amo livros que fazem isso. espero que consiga ler em breve!

      Bjs

      Excluir
  4. Je!
    Realmente a autora trouxe uma situação da vida real e o que mais gostei, foi o fato de poder mostrar a dualidade e todos os sentimentos pelos quais a protagonista teve de passar e após ter consigo superar a korte do marido. Deve ter sido bem difícil para ela, tomar uma decisão e como falou, alguém saiu decepcionado do problema.
    cheirinho
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Rudy,

      Foi bastante difícil! A autora deixa claro todas as dúvidas que a paciente sente. É angustiante de acompanhar, mas também muito bom!
      Bjs

      Excluir
  5. ola
    essa autora deixou muita leitoras apaixonadas pela escrita dela
    e parece que com esse livro vai ser tambem assim
    Fico imaginando como a autora resolveu essa situaçao da EMMA e como ela fez a personagem dar valor a tantas coisas que antes não dava como ela descobriu novos habitos
    sem duvida é uma leitura que desejo fazer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Eliane,

      Espero que consiga ler logo, se não conhece a autora com certeza vai e apaixonar. ela trouxe muitos aprendizados com esse livro

      bjs

      Excluir
  6. Gente, a autora chegou para ficar realmente e isso é maravilhoso! Eu não li ainda Os Sete Maridos, mas em contrapartida, li Daisy Jones neste ano e ele foi favoritado com louvor e por isso, preciso de todos os livros da autora!!!
    Pelo que pude perceber na resenha acima, mais uma vez ela conseguiu trazer uma história única e emocionante!
    Já vai pra listinha de mais desejados!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Angela,

      Se conhece a autora nem preciso falar mais nada! Ela é maravilhosa sim, tenho certeza que você vai gostar desse também.

      Bjs

      Excluir
  7. Bom dia :)
    Tudo bem?
    Gostei da resenha. Desconhecia este livro. Será que é possível amar duas pessoas ao mesmo tempo na mesma intensidade? Bom questionamento do livro.

    Beijos e tenha uma excelente semana
    www.rimasdopreto.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!

      Tudo e você? Esse é só um dos questionamento que o livro traz, viu? Leiam e depois me conte o que achou!
      Bjs

      Excluir
  8. ingriD Figueiredo12/05/2020 23:16

    Esse é o sexto livro que leio da autora e fico impressionada como ela nunca erra. A escrita dela é sincera e cheia de vários tipos de emoção. Amores Verdadeiros não fica pra trás dos outros! Gostei muito mais do que pudesse imaginar. Fico muito, muito feliz cada vez que uma obra dela é trazida pro Brasil!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oIE Ingrid,

      quero ler a obra inteira dela!! Esse livro me causou exstamento isso, vários tipos de emoção. me marcou muito.

      bjs

      Excluir
  9. Quando vi o lançamento de Os Sete Maridos de Evelyn Hugo fiquei com muita vontade de ler, mas ainda não consegui fazer a leitura. Não sabia que a autora tinha mais livros, e devo dizer que gostei bastante desse.
    Gosto de leitura em que os personagens entram em conflito e amadurecem no decorrer da trama, mas fiquei curiosa para saber quais serão as escolhas da personagem e como ela irá enfrentar tudo isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Fabiolla

      Tem bastante conflito interno e crescimento, tanto crescimento que faz o leitor sofrer um monte junto com a personagem, hahahaha. espero que consiga ler logo algo dela, esse daqui é mais leve do que Os Sete maridos!

      bjs

      Excluir
  10. Estou amando ler seus posts... vou até salvar em favoritos!


    Meu Blog: Modas da Letícia

    ResponderExcluir
  11. Olá! A cada novo livro dessa autora, fico me questionando por que ainda não comecei a lê-los, fiquei aqui bem curiosa para descobrir o final de Emma, e tenho certeza de que precisarei de alguns lencinhos, mas será maravilhoso acompanhar essa sua jornada.

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Eu não gostaria de estar na pele da protagonista, que situação ein?!
    Por favor, me diga com quem ela fica no final, nunca te pedi nada kkkkk

    ResponderExcluir
  13. Conheci esse livro em outro blog e confesso que gostei. Decisão difícil para a personagem, e o outro ter que seguir em frente é muito forte. O bom de livros assim são os questionamentos, isso é nem legal por fazer pensar sobre nossas vidas.

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Editoras parceiras

Instagram

© Revelando Sentimentos | Resenhas de livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in