Resenha: Um mar de segredos

Por Naty Araújo •
22 julho 2020

Depois que você lê 10, 20, 30 livros de suspense, é difícil deixar se enganar por algum outro no mercado. Eu sei, “Um mar de segredos” tinha muito potencial, mas o verbo ficou no passado. 

A história vai te prender, eu sei que vai. E quando eu começar a descrever os elementos do livro você vai querer ler no primeiro momento. Porém, esse talvez seja o maior problema dele. Se você for com muita sede ao pote, vai acabar ficando com sede. 

Erin é documentarista e está numa ótima fase no trabalho. Mark é investidor, porém, acaba de ser demitido. E esse é um dos problemas que o casal encontra, afinal, eles estão prestes a se casar e já estão com passagens e hospedagem compradas para passar a lua de mel numa ilha em Bora Bora. 

Mark precisa economizar e diminuir os gastos com o casamento. Ele acaba reduzindo os dias em Bora Bora, mas não deixam de ir. Achando que tudo seria às mil maravilhas, ao fazerem um mergulho, eles encontram uma bolsa e, claro, o que vocês acham que eles decidem fazer? Levá-la para o quarto, obviamente. 

Para mim, esse foi o ápice do livro. A gente sabe mais ou menos o que tem dentro da bolsa porque a divulgação da Record foi com dólares e sabemos que se trata de milhões de dólares. Porém, não tinha apenas dinheiro dentro, tinha mais coisas. É por isso que essa parte foi o pico do livro, o momento que fiquei mais curiosa, que não queria largar por nada e eu sabia que algo muito ruim aconteceria. Afinal, o prólogo da história já indica que algo inesperado está prestes a acontecer. 

E então, os recém-casados, em lua de mel, precisam fazer uma escolha difícil: dizer a verdade ou proteger aquela bolsa – proteger o segredo a sete chaves? É ou não é uma história que te deixa curioso para saber o que vai acontecer? Bom, se você não ficou, parabéns! Porque eu fiquei desde o início com as divulgações da editora.


Mas, como não ficarei apenas na história, falarei das minhas impressões sobre tudo. Primeiramente, eu não sei como pode existir uma Erin no mundo. Eu sei que existem pessoas inocentes, sem conhecimento... Mas burrice é uma coisa que a gente aprende errando, talvez. E não basta a criatura errar uma, duas, três vezes na MESMA COISA, ela continua errando e se autodeclara: “como sou burra”. Se até ela já sabe disso, eu preciso dizer mais alguma coisa sobre essa personagem? 

Engraçado é que do início ao fim a autora a pinta como frágil, burra, descreve as suas ações como patéticas e, muitas, o próprio marido repugna – até nós, leitores, convenhamos. Mas no final ela é a pessoa mais espetacular e inteligente da face dessa Terra (não é spoiler). E esse detalhe foi tão inverossímil que eu não consegui assimilar e nem aceitar que a autora decidiu que as coisas ficariam assim, inclusive para Erin. 

Mark é o típico cara inteligente, que tem um futuro brilhante pela frente, mas que acha que ficará desempregado para sempre, porque só quer trabalhar se for no que ele faz. Não está disposto e nem se sujeitaria a fazer outra coisa. Como se a vida fosse bonitinha assim, né? Mas até aí tudo bem, conheço pessoas assim e está tudo bem a autora trazer isso à tona. Não posso explicar o furo no livro que tem a ver com esse detalhe. 

A autora me surpreendeu com a sua escrita. Fluida, envolvente, mas as falhas nesse livro são nítidas. Pode ser que quem não esteja habituado a ler o gênero até deixe passar batido ou aceite algumas delas. Mas, convenhamos, eu queria muito mais dessa história. E eu estava esperando muito mais do meio para o final. Parece que a autora queria tomar um rumo e no meio do caminho decidiu que faria outro. E foi. 

Pode ser que você goste? Claro que sim. É por isso que vi muita gente elogiando. Por esse fator que indico que você leia, tire as suas conclusões sobre tudo e venha conversar comigo. Combinado? Vou adorar bater um papinho sobre. Independente de gostar ou não, sempre vou respeitar a sua opinião, só quero saber qual a sua. E espero que leia e goste. 

Título: Um mar de segredos 
Autora: Catherine Steadman 
Editora: Record 
Páginas: 378 
Ano: 2020
Compre: aqui

Comentários via Facebook

17 Revelaram sentimentos:

  1. Tô louca pra ler esse livro, amei sua resenha :D

    https://www.submersaempalavras.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que a experiência com você seja diferente, Monyque.

      Excluir
  2. Nossa, eu vi muita gente se decepcionando com esse livro. Foi um dos poucos suspenses que tinha me chamado atenção, mas com a galera comentando a vontade foi diminuindo
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior que eu também vi hahahaha.
      Acho que não vi ninguém elogiando até agora kkkkkkkk

      Excluir
  3. Um Mar de Segredos está com um hype não é?
    Eu, como leio pouco thriller, suspense, me interessei muito. Claro que as ressalvas que você apontou podem atrapalhar um pouco a leitura mas mesmo assim, ainda Quero dar uma oportunidade ao livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já amo, Chelle. Então talvez esse tenha sido o problema rs.
      Com você pode ser diferente rs.

      Excluir
  4. Naty!
    Uma pena ue a história tem muitos furos.
    Mesmo sendo o primeiro livro da escritora, um thriller desse tipo e com personagens tão peculiares, além de mostrar a realidade de como é fácil se corromper alguém que está com grande necessidade, deve ser o bom de alguma forma.
    Arriscaria a leitura.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ser assim mesmo, Rudy.
      Independente disso, temos que ler e termos a nossa própria conclusão.
      Espero que leia e curta.

      Excluir
  5. Ontem no seu Skoob eu dei aquela desanimada ao ler a resenha. Aí bem na hora do almoço, o carteiro grita e? Chega Um Mar de Segredos. Agora por sua culpa, eu fico olhando ele ali na estante e me perguntando onde vou me enfiar rs
    Eu sei...talvez eu goste sim. Eu sou aquela que gosta de letras, né? rs então, talvez isso me salve. E é verdade, algumas pessoas elogiaram sim, a obra.
    Este eu vou ler e se vou dançar?? Não sei..mas temo que sim! rs
    Beijo, sua linda!!!!

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha. Que má sorte kkkkkkk.
      Mas espero que você curta, Angela.
      É só questão de gente chata que lê muito o gênero, EU kkkkkkkkkkkkk.
      Pode ser que com você seja diferente rs.
      Beijos

      Excluir
  6. Eu venho cada vez mais lendo suspense e, realmente, anda difícil conciliar a sede ao pote com o que a história nos entrega. Um mar de segredos me deixou super empolgado com seu lançamento, apesar de me lembrar muito A mulher na cabine 10, mas li tantas opiniões negativas que deixei ele de lado, pelo menos por agora. E, me atendo a principalmente um fato sobre um livro que você comentou na resenha, minha vontade de realizar essa leitura só diminui, Erin parece ser uma personagem extremamente insuportável de acompanhar por ser tão estereotipada pra caber nesse gênero. Acredito que vou deixar ele de lado de vez.

    ResponderExcluir
  7. Olá! Confesso que mesmo com todos esses furos, tenho bastante curiosidade em ler o livro, justamente em razão da escrita da autora, que como você disse, parece ser bastante fluída, e por todo esse mistério e dilemas que cercam o enredo.

    ResponderExcluir
  8. Não parei pra ler nada sobre esse livro antes, só vi a capa por aí e o nome me chamou muita atenção, por parecer ser o tipo de livro que eu gosto. Realmente, fiquei muito curiosa e entendo que deve ser difícil não comparar a outros livros de suspense.. Esse é meu gênero favorito e sempre vou com muita expectativa. Deus que me perdoe, mas sempre falo que tenho nervoso de personagens burros, que sempre metem os pés pelas mãos e acabam ferrando mais gente junto com eles. Talvez me falte paciência haha continuo curiosa, mesmo sabendo que provavelmente irei passar raiva.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi, Naty
    Tinha altas expectativas para esse livro, mas depois de ler sua resenha vou diminuir minha esperança para não ficar com sele, kkk.
    Mesmo com esses problemas no desenvolvimento parece ser uma leitura que prende o leitor para saber o final.
    Assim que tiver chance lerei, beijos.

    ResponderExcluir
  10. ola
    olha dizer que bateu aquela vontade de ler não deu ,mas se encontrar ele num sebo acho que compraria porque gosto desse genero .

    ResponderExcluir
  11. Eu fiquei extremamente curioso quanto ao mistério que o livro traz hahah Eu adoro livros como esse que faz com que nós, leitores, devore cada página do livro pra saber o desenrolar da história. É realmente bom acabar não criando muitas expectativas para que depois a gente não nos decepcione. Adorei a resenha!!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Naty
    Ai se você que gosta do gênero não curtiu, creio que não vou gostar também.
    Kkkkkk
    Livros de thriller e com furos dá raiva porque é justamente de final fechadinho que precisamos kkk
    Bjs

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos | Resenhas de livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in