Resenha: Nunca saia sozinho

Por Naty Araújo •
18 janeiro 2021

Charlie Donlea se tornou um dos meus autores queridos depois de ler apenas duas de suas obras. Não é preciso muito para reconhecer o talento de um escritor. Quando peguei “Nunca saia sozinho” estava com altas expectativas. 

Preciso dizer que não é o melhor livro dele. Porém, continua no posto de um excelente escritor no gênero suspense. 

Dentro dos muros de uma escola de elite de Westmont as expectativas são altas, e, as regras, rígidas. É lá que acontece um massacre e dois adolescentes são mortos. O principal suspeito é um professor. Mesmo com as evidências dizendo que era o culpado, ainda existia muitos detalhes que ficaram sem respostas. O mais urgente é: por que tantos alunos que sobreviveram àquela noite macabra voltaram ao lugar para se matar? 

Na floresta há uma pensão abandonada que é utilizada pelos alunos como ponto de encontro noturno. Para quem entra, existe apenas uma regra: não deixe sua vela apagar ― a menos que você queira encontrar o Homem do Espelho. 

Rory Moore e Lane Philips começam a investigar a noite dos assassinatos com intuito de buscar algum vestígio que tenham deixado passar. Porém, quanto mais descobrem sobre os alunos e aquele jogo perigoso que deu errado, eles se convencem de que algo muito estranho ainda está acontecendo. 

É aquela velha história policial, quanto mais Rory Moore busca por respostas mais a vida dela corre perigo. É preciso ter coragem para enfrentar o que virá a seguir. 

O livro é coberto de mistérios do início ao fim – claro, estamos falando de Donlea e não poderia ser diferente. A narrativa não segue uma ordem linear, então presenciamos os tempos de forma intercalada e dinâmica, o que proporciona mais suspense e deixa o leitor preso às páginas. 

Não acredito que precise ler os outros dois para ler esse. Mas acho legal fazer isso para você acompanhar os avanços dos personagens principais, pra gente conhecê-los melhor – não é uma regra. 

A diagramação da Faro segue a mesma e adorável como sempre. No início de cada parte temos folhas em preto, como se fosse uma floresta lúgubre, e a cada capítulo as folhas são cinzas. Deixa a leitura mais sombria do jeito que a história é. A diagramação segue confortável, e sem erros na revisão. 


Título: Nunca saia sozinho (exemplar cedido pela editora) 
Autor: Charlie Donlea 
Editora: Faro 
Páginas: 349 
Ano: 2020 
Compre: aqui 

Comentários via Facebook

13 Revelaram sentimentos:

  1. Euuu também sou muito fã do Donlea.
    Curti o livro anterior E to muito ansiosa para reencontrar Rory e Lane

    ResponderExcluir
  2. Tenho ele aqui pra ler, mas to querendo ler "uma mulher na escuridao" antes pelo menos. Já li o deixada para tras dele e gostei muito. Esse tem uma vibe mais de investigação mesmo né, mas eu espero que eu goste!!

    ResponderExcluir
  3. ola
    gosto de um bom suspence e assim que eu vi esse livro eu já quiz ler ,mas ainda não adquiri ,desse autor tenho deixada para tráz.que bom que o autor mantem a qualidade da escrita ,que o tornou um dos escritores mais querido ultimamente .

    ResponderExcluir
  4. Oi Naty, tudo bem?
    O que acontece se a vela apagar? Fiquei curiosa.
    Eu prefiro ler todos mesmo que dê para entender sem os outros livros.
    Acho que esse é o único toc que eu tenho haha
    Beijos

    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  5. O título já deixa a gente babando pra ler, né? Ainda mais sabendo que é escrito por alguém que já tem sucesso no gênero.
    Fiquei com o pé atrás ao saber que n]ao é o melhor, mas estrelas é excelente! Então fiquei curiosa sim pra acompanhar mais um suspense, por mais que não seja meu gênero favorito.

    ResponderExcluir
  6. Naty!
    Uma pena que esse não é o melhor livro do autor, mas ainda assim, deve ser muito bom.
    Não tive oportunidade de ler o anterior, mas saber que os protagonistas estão de volta é bem bacana.
    História bem do jeitinho que gosto.
    Parece bacana todo esse suspense e dá uma agonia, né?
    Quando há tantos protagonitas bons e todo esse segredo sobre o assasino, bom demais.
    Bem quero.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Provavelmente será uma de minhas próximas leituras! Eu comprei todos os livros anteriores do Charlie, só pra poder ler esse.
    É meu autor favorito no momento e amo ser feita de besta por ele.
    Eu espero não achar ele ruim rs
    E oh, as edições da Faro são um presente a nós. Eu amo o tamanho da fonte e a qualidade das folhas usadas!!!
    Lerei!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  8. Quero muito ler algo do Charlie, esse é meu gênero favorito! Não tinha ideia de que os personagens principais eram os mesmos dos outros livros, deve ser mesmo melhor ler os outros antes, mesmo os casos não tendo relação. Ótima dica!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi, Naty!
    Não li nenhum livro do Charlie Donlea, mas quando se trata de livro de suspense, cheio de mistério, eu já fico interessada... Fiquei muito curiosa para saber o motivo do massacre e o porque dos alunos voltar ao local para se matar... Já estou adicionando Nunca saia Sozinho na minha lista de leitura, mas vou seguir o seu conselho e só lê-lo apenas quando eu ler os outros dois livros do autor :)
    Bjos, valeu pela dica!

    ResponderExcluir
  10. Olá! vim fazer uma visitinha... adorei o seu blog. Venha conhecer o meu também: https://mundomagicodalisa.blogspot.com/
    Já estou seguindo você! um grande abraço e uma excelente tarde. Lisa.

    ResponderExcluir
  11. Olá! Na verdade, estou me aventurando por esse gênero a pouco tempo, por isso, já tratei de anotar a dica (risos), ainda não tive contato com a escrita do autor, mas leio muita coisa positiva em relação a ela, então munida de muita curiosidade, espero em breve acompanhar esse e tantos outros mistérios.

    ResponderExcluir
  12. Não li muitos livros de suspense, mas os que li gostei muito e tenho vontade de me aventurar ainda mais no gênero rsrs
    Gostei do enredo do livro e fique super curiosa para saber o que acontece quando a vela se apaga haha

    ResponderExcluir
  13. Oiiie,
    Eu amo esse autor, adoro muito a escrita dele, quero demais ler esse livro. Já li A Garota do Lago e amo demais..

    Blog: Tempos Literários

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos | Resenhas de livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in