Resenha: A Ilha do Tesouro

Por Luana Gobbo •
13 janeiro 2021

Este aclamado - escrito nos primórdios de 1883 por outro aclamado de nome Robert Louis Stevenson – chamado “A Ilha do Tesouro”, representa o que chamamos de pioneiro de todas as histórias de piratas hoje conhecidas – alô, Jack Sparrow! Digo... CAPITÃO Jack Sparrow! 

Stevenson revolucionou o conceito de piratas e toda essa visão reformulada que temos deles hoje em dia – mais especificamente: após essa narrativa de Stevenson. A trama é composta de pura aventura em alto mar, motins, altas doses de rum e tudo o que se tem direito em uma boa história de piratas. 

E já que o assunto principal são os piratas... bem, em “A Ilha do Tesouro” temos um garoto de aproximadamente 14 anos – Jim Hawkins – que acaba de tomar posse de um mapa do tesouro, e é ele quem narra a maior parte do livro. Enquanto isso, outros piratas embarcam no navio Hispaniola em busca de um tal tesouro deixado numa ilha há tempos. 


A partir daí, conhecemos vários dos tripulantes a bordo: o pragmático dr. Livessey; o digno capitão Smollet; um cavalheiro chamado Trelawney; o amotinado pirata Long John Silver – e vejam só: o bucaneiro usa muleta, tem uma perna de pau e um papagaio inseparável no ombro. 

Vale ressaltar que existe um contexto histórico acerca de “A Ilha do Tesouro”, que foi originalmente escrito para o público infantojuvenil em especial para os meninos. Sim, antigamente tinha dessas. Até porque, se for reparar, as mulheres são basicamente inexistentes no livro, mas, como bem sabemos, hoje em dia – obrigada universo pela evolução, apesar dos pesares – não tem mais essa de “livro para meninos e livros para meninas”. 

A edição conta com várias notas para melhor entendimento de termos técnicos, bem como ilustrações belíssimas e uma tradução de super fácil entendimento e fluidez – somado a capítulos curtos. Não senti tanta identificação ou apego a personagens, pra mim foi mais uma história para passar o tempo e conhecer o primogênito das histórias de piratas que tanto amo do que qualquer outra coisa. 


Não se tornou um livro favorito pra mim como ele certamente é para muitos, mas com certeza eu gostei ter conhecido essa história porque sempre fui fã de histórias de piratas. As melhores partes pra mim foram pegar algumas referências e semelhanças com Piratas do Caribe que claramente foram inspiradas em “A Ilha do Tesouro”. 

Existe uma série também chamada “Black Sails” que não há dúvidas de que foi inspirada em “A Ilha do Tesouro”, essa até mais do que Piratas do Caribe, pois até mesmo alguns personagens possuem mesmo nome e mesmos acontecimentos do livro. Ainda não terminei a série para dizer muito sobre semelhanças ou diferenças, apenas fica aqui a menção honrosa.


Título: A Ilha do Tesouro (exemplar cedido pela editora) 
Autor: Robert Louis Stevenson 
Editora: Zahar 
Páginas: 268 
Ano: 2020 
Compre: aqui

Comentários via Facebook

11 Revelaram sentimentos:

  1. As edições da Zahar são de encher os olhos de felicidade!
    Fiquei lendo sua resenha e me lembrando de quando li esse livro, cheirando a mofo e naftalina na biblioteca da escola, se me lembro direito, numa edição da Vagalume rs
    Ah que saudade deu agora!
    É como ir ao passado em uma postagem e sim, se puder, quero muito ter essa edição para reviver esses momentos!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  2. Esse é um dos classicos que ainda não me veio o interesse na leitura. E ja vi outros resenhas também, q citaram isso tb, que quase nao tem mulheres no livro isso me desanima ainda mais. A edição da editora nem se fala, é linda, zahar arrasa muito!

    ResponderExcluir
  3. Olá! Ainda não tive oportunidade de ler essa história, mas essa edição está tão bonita que me vi tentada a finalmente mudar isso (risos), eu gosto bastante de histórias com piratas e aventuras, por isso, imagino que a experiência será positiva!

    ResponderExcluir
  4. O Real Pirata!!!! O pirata raiz!
    Com todos os clichês do gênero que tornam a história atemporal, tirando é claro essa questão de ser livro de menino

    ResponderExcluir
  5. Adorooo histórias com piratas, seja fantasia, seja romance de época, histórico, enfim... acho que dá uma pitada de envolvimento excelenteee na história!
    Achei a edição muito bonita, as cores são chamativas, dá vontade de ter na estante e ainda mais no cérebro HAHAHA
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. OLA
    a edição está linda ,mas não é um livro que me despertou a vontade de ler . que legal que ele é referencia para outros livros de piratas ,

    ResponderExcluir
  7. Essa edição é perfeita, uau!! Deve dar gosto de ver um livro tão bonito assim na estante. Apesar de "aclamado", eu não conhecia esse livro. Adoro os filmes sobre o Jack Sparrow, mas acho que não leria um livro sobre ou semelhante, como este. Não é muito minha vibe, mas a história parece ótima haha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Luana!
    Adoro livros/filmes de piratas e já li esse livro há muitos anos e claro que depois assisti todos os filmes do Jack Sparrow! E posso dizer que tem muitas semelhanças para não dizer, uma história igual, embora nos filmes, alguns efeitos e falas são melhorados.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  9. Oi Luana! Eu li esse livro no ensino médio e tenho ele até hoje comigo.
    Passei ele pra minhas priminhas lerem e elas gostaram tanto quanto eu!
    Beijos

    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  10. A coleção Clássicos Zahar é realmente de tirar o fôlego.
    Não sou muito de histórias de piratas, mas fiquei com vontade de conhecer o livro, já que é considerado um dos primeiros do gênero.

    ResponderExcluir
  11. Oláa,
    Penso tanto na edição dessa editora, mas percebo que são edições bem pequena e sei la.. Gosto de livros grandes. kkkk
    Gostei bastante da premissa do livro e já estou bem curiosa para ler.

    Blog: Tempos Literários

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Deixe um comentário. Se não gostou, comente também e deixe a sua opinião.
Se tiver um blog deixe o endereço e retribuiremos a visita.
Aproveite e se inscreva nas promoções e concorra a diversos prêmios.

Instagram

© Revelando Sentimentos – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in